Pingo Doce abre às 6h30 em fim de semana de recolher obrigatorio. Continente às 8h

Supermercados do grupo Sonae e Jerónimo Martins vão antecipar horário de abertura dos estabelecimentos devido às restrições de circulação. Pingo Doce abre às 6h30 e Continente às 8h00.

Jerónimo Martins e Sonae vão antecipar o horário de abertura dos estabelecimentos devido às restrições de circulação impostas pelo Governo nos 121 concelhos mais afetados pela pandemia. Pingo Doce vai abrir às 6h30 nos próximos dois fins de semana e o Continente abre portas às 8h00.

A Jerónimo Martins vai abrir a maior parte das suas lojas às 06h30, enquanto o encerramento está marcado para as 22h00. “Dadas as limitações à circulação impostas pelo estado de emergência nos próximos sábado e domingo, e tendo em conta também a possibilidade de haver restrições adicionais à circulação entre concelhos, o Pingo Doce vai abrir a maioria das suas lojas às 6h30 e encerrar às 22h, procurando assim contribuir para evitar a concentração de pessoas nas lojas no período da manhã“, explica fonte oficial do grupo, na nota de imprensa enviada ao ECO, tal como tinha sido avançado pelo Jornal de Negócios (acesso livre) e Rádio Renascença (acesso livre).

Habitualmente o horário destes estabelecimentos varia entre as 7h30 ou 8h00 e as 21h00 ou 22h00, dependendo da localização das lojas do grupo liderado por Pedro Soares dos Santos.

Também a Sonae já tinha ajustado os horários das suas superfícies comerciais, na sequência do novo estado de emergência. “Tal como aconteceu na primeira vaga da pandemia, estamos a analisar a situação e a ajustar os horários das lojas Continente a cada concelho, de forma a maximizar a segurança e o conforto dos nossos clientes”, informa a Sonae MC, em comunicado.

Assim, a empresa que detém as marcas Continente e Modelo sublinha que antecipou “o horário de abertura de algumas lojas” para as 8h00, tendo também sido alargado os horários de fecho “sobretudo nos Continente Bom Dia nos concelhos de elevado risco“, explicou fonte oficial ao ECO. Os horários de abertura variam de loja para loja, mas a maioria dos estabelecimentos do grupo Sonae abre, em circunstâncias normais, às 8h30.

Em contrapartida, o Minipreço diz que não vai alterar os horários, lembrando que, tal como no confinamento, vão ter horários flexíveis consoante as zonas onde se encontram as lojas. “Durante esta fase, as lojas Minipreço e Clarel por todo o país terão horários flexíveis de abertura e fecho, adaptados às localidades onde estão inseridas. Como insígnia de proximidade, devemos continuar a servir da melhor maneira possível os nossos clientes, adaptando horários em função das especificidades de cada localidade”, assinala fonte oficial do grupo Dia.

Entretanto, o Lidl anunciou também, que, a par do Minipreço, vai manter “os seus horários habituais, sem alterações”, apelando aos portugueses para que realizem “as suas compras com tranquilidade”. “Não é por isso necessário ir a correr às lojas da parte da manhã, podendo os clientes utilizar este tempo para tratar de assuntos que só poderão ser tratados até as 13h”, sublinha a empresa em comunicado enviado.

Esta sexta-feira a Auchan veio também esclarecer que vai manter os horários, uma vez que considera que os serviços que atualmente prestam aos clientes “asseguram, neste contexto, uma compra confortável e segura.” Também a Mercadona vai “manter o horário de funcionamento habitual (9h00 – 21h30h)” por forma a “assegurar o normal abastecimento aos portugueses, garantindo sempre a segurança e saúde dos colaboradores e clientes”, esclareceu fonte oficial da empresa ao ECO.

O ECO tentou contactar também o Intermarché para perceber se vai antecipar a abertura das suas lojas, mas continua a aguardar resposta.

Estas medidas surgem depois de o Executivo ter decidido restringir a circulação nos próximo dois semanas a partir das 13h00 e até às 5h00, de sábado e domingo nos concelhos mais afetados pelo vírus, na sequência da declaração do estado de emergência. Apesar da limitação de circulação, nas exceções estão previstas as idas aos supermercados e mercearias.

(Notícia atualizada às 12h42 de quinta-feira, dia 12 de novembro, com a resposta da Auchan e Mercadona)

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Pingo Doce abre às 6h30 em fim de semana de recolher obrigatorio. Continente às 8h

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião