Diário de Notícias retoma edição diária em papel a 29 de dezembro

Rosália Amorim mereceu aprovação do Conselho de Redação e vai ser a nova diretora do Diário de Notícias. Planeia o regresso do jornal às bancas ainda este ano, com edição diária em papel.

Mais de dois anos depois de passar a semanário, o Diário de Notícias vai voltar a ter uma edição diária em papel. A publicação, agora dirigida pela jornalista Rosália Amorim, deverá voltar às bancas a 29 de dezembro, dia em que assinalam 156 anos desde a sua fundação.

Ao que o ECO apurou, essa terá sido a informação transmitida pela nova diretora ao Conselho de Redação, numa reunião depois de ter sido proposta para a direção do jornal pela administração do grupo. A intenção está em linha com o que já tinha sido afirmado pelo novo acionista do grupo, Marco Galinha, numa entrevista ao Público em outubro.

Rosália Amorim mereceu parecer favorável daquele órgão, sabe o ECO, e deverá seguir uma estratégia editorial de foco nas secções de política e de economia, mas também numa cobertura local dos concelhos da Área Metropolitana de Lisboa.

Na sua equipa, contará com o atual diretor interno, Leonídio Paulo Ferreira, como diretor-adjunto. Joana Petiz acumulará as funções de subdiretora com as de nova diretora do Dinheiro Vivo.

Na segunda-feira foram conhecidas várias alterações nas direções dos principais títulos do grupo Global Media. Além das já referidas, Inês Cardoso passará a diretora do Jornal de Notícias e Domingos de Andrade vai dirigir a TSF. Pedro Ivo Carvalho, atual diretor-adjunto do Jornal de Notícias, acumulará esta função com a de diretor da Volta ao Mundo. Manuel Molinos, também diretor-adjunto do Jornal de Notícias, é o novo diretor para a área do digital.

Estas mudanças acontecem dias depois depois de a empresa ter anunciado um despedimento coletivo de 81 trabalhadores “em diferentes áreas”, 17 dos quais jornalistas. Surgem ainda numa altura em que a empresa está em processo de mudanças na sua estrutura acionista, nomeadamente a compra de 40% da empresa pelo empresário Marco Galinha, do grupo Bel.

Foi a 17 de junho de 2018 que o Diário de Notícias passou a formato digital, com a publicação de apenas uma edição semanal em papel ao fim de semana. A decisão manteve-se até aos dias de hoje.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Diário de Notícias retoma edição diária em papel a 29 de dezembro

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião