Aumentos na Função Pública vão chegar aos salários de 693 euros

  • ECO
  • 2 Dezembro 2020

Governo está a ponderar ir mais longe que o previsto tanto nos aumentos salariais na Administração Pública como na subida do salário mínimo nacional.

Um número mais elevado de funcionários públicos vai ser aumentado em 2021. Os aumentos salariais na Função Pública vão chegar aos salários até 693,13 euros brutos, segundo apurou o Jornal de Negócios (acesso condicionado). No total, são cerca de 150 mil pessoas, num universo de 700 mil trabalhadores do Estado, que serão beneficiados por esta decisão.

Não serão, assim, apenas abrangidos os trabalhadores que estão na base remuneratória (645,07 euros) que ficou acordada com os sindicatos antes da aprovação do Orçamento do Estado para 2021. Na altura, o Executivo garantiu aumentos para os salários mais baixos na medida em que subisse o salário mínimo.

O Jornal de Negócios avança também, citando fonte governamental não identificada, que o aumento do salário mínimo nacional deverá ser superior aos 23,75 euros inicialmente previstos, para mais do que os 648,75 euros em 2021.

As discussões ainda estão, no entanto, a decorrer. O valor do salário mínimo deverá ser fechado na próxima reunião de concertação social possivelmente na próxima semana, enquanto os salários da Administração Pública ainda não tem dada para ser debatida com os sindicatos da Função Pública.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Aumentos na Função Pública vão chegar aos salários de 693 euros

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião