Profissionais do SNS já fizeram 15,4 milhões de horas extraordinárias este ano

O ano ainda não acabou. Mas, até novembro, o número de horas extraordinárias no SNS já tinha batido um recorde de 15,4 milhões, avança o Público.

Os profissionais do Serviço Nacional de Saúde (SNS) trabalharam 15,4 milhões de horas extraordinárias entre janeiro e novembro, um recorde absoluto numa altura em que ainda faltam várias semanas para o final do ano. No total de 2019, o número fixou-se em 14,5 milhões de horas extraordinárias realizadas por estes profissionais.

O valor já apurado para 2020, ainda sem contar com o mês de dezembro, representa o valor mais alto da série, desde que este indicador começou a ser registado em 2014. E 2019 já tinha sido um ano de exceção nesta matéria, indica o Público (acesso condicionado). O recorde de horas extra no SNS surge num ano atípico de pandemia, com os hospitais sob pressão por causa dos doentes que necessitam de maiores cuidados por causa da Covid-19.

Os números não incluem os profissionais da Inspeção-Geral das Atividades em Saúde nem os de hospitais em regime de PPP (parcerias público-privadas). Além do número de horas, a despesa com o trabalho suplementar no SNS poderá também atingir recordes, sendo que, em 2018, alcançou 263 milhões de euros (ainda não existem dados para 2019).

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Profissionais do SNS já fizeram 15,4 milhões de horas extraordinárias este ano

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião