Restaurantes, hotéis e até os supermercados têm ceias para o seu Natal

Das empresas de distribuição aos restaurantes, há vários estabelecimentos a apostarem nas entregas em casa. Do peru ao tradicional bacalhau, estes espaços preparam a ceia de Natal por si.

Este ano o Natal não deve ser desfrutado no habitual convívio alargado a toda a família, mas nem por isso deixa de ser um momento especial para muitos portugueses. E apesar de os restaurantes poderem funcionar até às 01h00 nos dias 24 e 25 de dezembro, bem como servirem almoços até ás 15h30 no dia 26 de dezembro, a verdade é que muitos portugueses preferem passar o Natal no aconchego do lar.

Nesse sentido, para que não tenha de se preocupar com toda a preparação da ceia de Natal, há vários espaços que estão a apostar no take-away, bem como entregas em casa, procurando também faturar alguns euros num ano complicado para o setor.

Do Cabrito, ao polvo à lagareiro, passando pelo tradicional bacalhau ou ao Bolo Rei… são vários os estabelecimentos que têm menus especiais para esta época, que pode consumir em casa. O ECO mostra-lhe alguns exemplos.

Há refeições e cabazes para todos os gostos nos supermercados

Continente

Nem as grandes distribuidoras fogem à tendência. Empada de caça, borrego com batata assada e grelos salteados, lombo de bacalhau com broa ou os tradicionais doces de Natal como azevias, sonhos ou rabanadas, são alguns dos pratos e sobremesas que podem ser encomendados no take-away das lojas Continente, para as celebrações de Natal e Ano Novo. E nem os pratos vegetarianos escapam, com a marca detida pelo grupo Sonae a disponibilizar, por exemplo, tofu com grelos, batata e crosta de broa.

Assim, no vasto cardápio, os clientes podem optar por 12 entradas diferentes (que vão desde os rissóis aos croquetes), seis pratos de peixe (do polvo à lagareiro com batatas assadas, cebolinhas assadas e grelos salteados ao típico bacalhau), sete pratos de carne (do arroz de pato ao cabrito assado) ou 18 sobremesas distintas (da sericaia ao bolo rainha, passando pelo tronco de Natal com doce de Ovos. Ficou com água na boca? As encomendas podem ser feitas presencialmente, ou através do site do Continente por via do catálogo digital, bem como ligando para o número 808 100 801.

Pingo Doce

Na concorrência, o cenário é idêntico. O Pingo Doce “procurou adaptar-se e ajustar a sua oferta às necessidades dos seus clientes”, assinala o grupo Jerónimo Martins ao ECO. Nesse sentido, a retalhista reforçou o takeaway no que toca às ementas de Natal e Ano Novo, lançando “por exemplo, formatos mais pequenos de diversos pratos e acompanhamentos”, por forma a antever a redução do número de pessoas reunidas à mesa este ano”. Assim entre as novidades, constam o lombo de bacalhau com puré de batata e azeitonas (três pessoas), o strogonoff de soja com espargos e cogumelos (para quatro pessoas) ou o roti de peru com farinheira e espargos (para quatro pessoas).

Ao mesmo tempo, foram também criados menus idealmente concebidos “para cinco e até oito pessoas, opções mais económicas e práticas que contemplam uma refeição completa“, assinala o Pingo Doce. Neste âmbito, o mais acessível inclui dois cremes de legumes frescos, uma quiche de salmão e espargos, dois pratos (bacalhau com natas e lombo de porco com ameixa) e dois acompanhamentos (puré de maçã e arroz doce), por 49,95 euros. São assim várias as novidades, mas os pratos tradicionais como o peru assado recheado, o cabrito assado ou o polvo assado com pimentos e batatinha continuam disponíveis nas lojas do grupo Jerónimo Martins. Tal como no Continente, as encomendas podem ser realizadas de três formas: em loja, no site ou através do número 808 200 120.

Esta é a primeira vez que a cadeia de supermercados entrega as ceias de Natal e Ano Novo ao domicílio, estando as entregas disponíveis, nas áreas da Grande Lisboa, Grande Porto, Braga, Coimbra e Algarve, com um custo de cinco euros para compras a partir dos 25 euros (abaixo desse valor, os clientes têm de ir buscar as encomendas à loja) e entregas gratuitas para compras de 100 euros, com pagamento exclusivo por MB Way.

Auchan

Também a Auchan disponibiliza quatro refeições prontas a preparar, que “aliam produtos frescos e naturais, sem conservantes, a uma cozinha mais prática e conveniente”, explica a empresa em comunicado. Roti de carne com batata assada, polvo à lagareiro, bacalhau à lagareiro e roti de franco são algumas das opções, sendo que o custo destas refeições oscila entre os 15,99 euros e os 19,99 euros. Disponíveis em porções familiares para três a quatro pessoas e com um tempo de preparação de 20 minutos, estas receitas são desenvolvidas pelo chef da Auchan, José Serrano.

Makro

Por outro lado, e ainda no plano das distribuidoras há ainda quem opte por vender cabazes especiais para marcar esta época festiva. É o caso da Makro que, sob o mote “Para um Natal muito especial”, tem até 31 de dezembro à venda 18 cabazes “únicos, recheados de sortidos deliciosos“, cujos preços variam entre os 19,99 euros + IVA até aos 599 euros + IVA, sinaliza a empresa em comunicado. Deste modo, cada cabaz contém uma gama específica de produtos e é possível escolhê-lo através do nome alusivo ao natal de cada um. E nem os sabores biológicos foram esquecidos, com os clientes a puderem optar pelo cabaz “Biológico” por 44,99 euros sem IVA ou pelo “Alegria Vegan”, que custa 59,99 euros também sem IVA. Além disso, é possível completar estes cabazes com o clássico bacalhau seco embalado da empresa grossista.

Hotéis de luxo com menus completos

Martinhal

E num ano que se revelou desastroso para o setor hoteleiro, com as perspetivas da associação que representa o setor a apontarem para uma perda máxima de 80% das receitas até ao final do ano, também estes apostam no take-away. Entre 24 e 27 de dezembro, o Martinhal Cascais disponibiliza opções variadas para celebrar a quadra natalícia inspirados nas tradições de diferentes pontos do mundo, que incluem “a salada de batata com cebolinho, o peru assado recheado ou pudim de Natal com brandy”.

Há, assim, seis entradas à escolha, cujos preços variam entre os 8,5 euros e os 12 euros, bem como quatro saladas diferentes, que vão desde a salada de queijo feta com azeitona e tomate (9 euros) à salada de frango fumado com alface e parmesão (12 euros). Quanto aos pratos principais, terá de puxar, naturalmente um pouco mais da carteira, havendo quatro pratos à escolha: do lombo de porco com ameixas e sálvia (14, euros) à perna de borrego assada com hortelã e tomilho. No que toca às sobremesas, a opção é ainda mais variada, com sete opções disponíveis, que chegam aos 50 euros no caso do pudim de pão e manteiga. Todas as encomendas devem ser feitas até às 18h00 de dia 21 de dezembro, por email (concierge.cascais@martinhal.com ou por whatsapp (911 931 511), sujeitas a uma taxa de entrega de quatro euros, sendo que estas são feitas apenas em Lisboa e Cascais.

Penha Longa

Também com entregas em Sintra, Cascais, Estoril e Lisboa, o Penha Longa Resort tem dois menus especiais para a época festiva, que podem ser encomendados até ao dia 6 de janeiro, em que se assinala o dia dos Reis. Por 39 euros, o menu 1, disponibiliza, como entrada pão de passas com manteigas caseiras, creme de abóbora. Já para prato principal, tem bochecha de novilho a baixa temperatura com creme de batata trufado e cogumelos salteados e… para finalizar, um brownie de chocolate e avelã e um mini Bolo Rei. Em alternativa, se quiser gastar um pouco mais, por 52 euros, o menu 2, inclui um caldo de carne e legumes com sabores de enchidos e hortelã, ao invés do creme de abóbora e um bolo de cenoura, nozes e ganache de chocolate, em vez do brownie. Este menu disponibiliza também dois pratos principais: o bacalhau confitado, puré de grão com tomate e coentros, feijão e a já mencionada bochecha de novilho a baixa temperatura. As encomendas devem ser feitas com 48 horas de antecedência, para os seguintes contactos: takeaway@penhalonga.com ou 918 010 680, de salientar que as entregas acarretam custos adicionais que variam entre os 10 e os 25 euros, consoante o local.

Quinta do Lago

Ainda no plano dos resorts de luxo, mais a sul, no Algarve, também o Quinta do Lago criou cabazes de Natal com dois menus combinados, três pratos individuais pré-confeccionados e seis acompanhamentos, que vão desde o típico peru à opção vegetariana. Com valores a partir dos 49 euros para os menus combinados já com acompanhamentos e 27 euros para pratos individuais com acompanhamento à parte, os cabazes podem indicados para refeições entre duas a dez pessoas. As encomendas podem ser feitas online aqui até dia 22 de dezembro. Os cabazes serão entregues entre os dias 17 e 24 de dezembro no Clubhouse da Quinta do Lago, na rotunda 4, entre o período das 10h e das 14h, sendo que as encomendas têm de ser feitas com 48 horas de antecedência, tal como no Penha Longa Resort.

Vila Galé

Também o Vila Galé criou um cardápio especial de Natal e Réveillon para take-away, com diferentes sugestões de entradas, pratos principais e sobremesas, incluindo opções vegetarianas, sem glúten e sem lactose. Com preços a partir dos 12 euros, entre os pratos principais pode escolher-se entre lombos de bacalhau gratinados com broa, puré de grão com salsa e couve portuguesa salteada, peito de peru assado com castanhas, cebolinhas, tomate cherry e batata noisette ou cabrito assado com grelos salteados e batata. Para finalizar, há sonhos de abóbora, filhoses e rabanadas com mel e amêndoas (quatro euros por dose). Os clientes podem fazer o seu pedido e recebê-lo nos hotéis Vila Galé Coimbra, Ópera, Évora, Ampalius e Santa Cruz, sendo que os pedidos devem ser feitos por telefone ou e-mail.

Chefs querem entra na ceia de Natal

JNcQUOI

A viver também um período particularmente complicado, dado as restrições impostas para combater a pandemia, também os restaurantes não escapam às entregas de comida ao domicilio, sendo a oferta bastante vasta. Localizado no coração da capital, mais precisamente na Avenida da Liberdade, o JNcQUOI at Home criou um menu especial intitulado “It’s a JNcQUOI kind of Christmas” e que pode ser entregue em casa em cestos personalizados. A cozinha está a cargo do chef António Bóia e inclui uma vasta seleção de entradas, várias opções de prato principal e sobremesas. Assim, como entrada, o chef sugere Terrina de Foie Gras trufada com brioche e compota (200 euros), mariscada (120 euros) ou Lombos de salmão fumado com blinis e molho de aneto (40 euros), entre outras opções.

No que toca aos pratos principais, estes são entregues em cestos de Natal personalizados, havendo cinco opções disponíveis, que vão desde o típico bacalhau de natal com todos (140 euros para quatro pessoas) ao peru de Natal JNcQUOI com recheio de Foie Gras e trufas (1.600 euros para oito a 10 pessoas). Para terminar, há também nove sobremesas diferentes, que incluem a clássica Baba de Rinoceronte (50 euros para quatro a cinco pessoas) ou a compota de abóbora por 12 euros. As entregas são acompanhadas por um cartão que explica todos os passos para a finalização dos pratos em casa, “de forma a garantir a melhor qualidade dos produtos no momento da refeição”, explica o restaurante em comunicado. Todas as encomendas devem ser realizadas por telefone (+351 219 369 900) ou por e-mail (athome@jncquoi.com).

Avillez

Ainda pela capital, o Bairro do Avillez e o Cantinho do Avillez estão preparados para responder às necessidades dos lisboetas, com serviços de take-away ou entregas em casa (em Lisboa e Cascais). Também com pratos à carta, as opções são vastas. Para entrada, o restaurante disponibiliza três opções, como é o caso da sopa rica de peixe e marisco (42 euros para quatro pessoas), já como prato principal há também três ofertas diferentes, que vão desde o lombo de bacalhau com batatinhas assadas com azeite, alho e grelos salteados (110 euros para quatro pessoas) à perua preta do campo com recheio de castanhas com arroz escuro com passas e amêndoas (200 euros para quatro a seis pessoas).

Para terminar, pode optar típicas rabanas (caixas de seis unidades custam 24 euros) ou pelos papos de anjo, por 18 euros. Se não tiver nada para beber para acompanhar a refeição, pode também adquirir uma garrafa de vinho branco, tinto ou rosé por 10 euros. Todas as encomendas devem ser feitas através do telefone 215 830 290 até 19 de dezembro, sendo que serão entregues ou recolhidas a 23 ou a 24 de dezembro. De sublinhar que no caso das entregas ao domicílio, apenas são gratuitas com um valor mínimo de 100 euros.

Olivier

Também o grupo Olivier Restaurantes, que detém os espaços Guilty, Oliver Avenida Yakuza , tem menus especiais “idealizados para proporcionar uma experiência gastronómica de excelência, com opções variadas, em que não faltam alguns clássicos”, informa a empresa em comunicado. Entre as propostas, existe um menu completo, o Menu Ceia Olivier, que custa 380 euros pessoas, e que inclui salmão e terrine Foie gras para entrada, bacalhau e rolo de peru com puré trufado como prato principal e bolo rei para finalizar. Isto tudo ainda com uma garrafa de vinho vinho Herdade do Peso ou de champanhe Perrier Jouet para acompanhar. Por outro lado, há ainda a possibilidade de escolher por prato, com uma panóplia vasta, que vai desde ao bacalhau à Zé do Pipo com lavagante, que custa 90 euros para duas pessoas, ou, por exemplo, a perna de cordeiro de leite a baixa temperatura com castanhas e chalotas confitadas (45 euros para duas pessoas).

Assim, a ceia de Natal pode ser encomendada até ao dia 20 de dezembro e posteriormente levantada no espaço do Olivier Avenida até dia 24, às 16h. Já a ceia de Réveillon deverá ser pedida até dia 26 de dezembro, com recolha no mesmo local até dia 31, às 16h. As encomendas também podem ser entregues em casa, mediante uma taxa de entrega, que varia consoante o concelho.

Mezze

E se pretende ter uma ceia de Natal inspirada nos sabores do Médio Oriente também há solução para si. O restaurante Mezze, situado em Lisboa, preparou um menu que inclui, bolas de labneh, um iogurte seco com especiarias, servidas com pão árabe frito, hummus, babagaoush, folhas de videira recheadas, kibbeh, bolinhos de bulgur tradicionais de Alepo e Dijaj Mahshi, um frango recheado com carne picada e especiarias, servido com arroz fumado, muito típico de épocas festivas na cultura árabe. Esta ceia de Natal inclui ainda uma de três sobremesas à escolha e pode ser pedida para 4 ou 6 pessoas, por um preço de 70 euros ou 95 euros, respetivamente. As encomendas devem ser realizadas até dia 21 de dezembro com 48 horas de antecedência para o seguinte e-mail: a geral@mezze.pt. Caso o cliente prefira receber a refeição em casa, é acrescido uma taxa de entrega de 10 euros.

Sea Me

Mas há também soluções mais em conta. O Grupo Sea Me, que detém marcas conhecidas como o Prego da Peixeira ou o Soão – Taberna Asiática, em Alvalade, tem três ofertas “que combinam com Natal, e com o deleite associado a este tempo”, anuncia o grupo em comunicado. Assim, no no Amor Y Ódio, a marca de Tex Mex do grupo, disponibiliza um burrito de navidad de polvo, com puré de ervilha, chouriço, bacon e pico de gallo, disponível na versão El Original (com arroz), por 12,50 euros. Já a Olívia, de entrega de hambúrgueres, tem o burger de Natal (12,50 euros), de bacalhau e camarão, com maionese de alho e coentros, em pão de hambúrguer de camarinha do Sado, também por 12,5 euros. Por outro lado, n’O Prego da Peixaria, pode encontrar o Prego de Natal, que é composto por Bife raspado, queijo da Serra e puré de maçã em bolo levedo, por 11,50 euros.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Restaurantes, hotéis e até os supermercados têm ceias para o seu Natal

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião