Portugal já usa 9% de energias renováveis nos transportes, mas na Suécia são mais de 30%

O Grupo dos 27 Estados Membros da UE está ainda longe da sua própria meta de 10% em 2020. Isto por causa das enormes discrepâncias entre os países.

Em média, a percentagem de energia proveniente de fontes renováveis ​​nos transportes aumentou de 1,6% em 2004 para 8,9% em 2019, de acordo com os dados publicados esta quarta-feira pelo Eurostat. O Grupo dos 27 países da UE está ainda longe da sua própria meta de 10% em 2020.

Isto por causa das enormes discrepâncias entre os países. De entre os Estados-Membros da União Europeia, os países que mais usam energias limpas no transporte rodoviário são a Suécia (30,3%), a Finlândia (21,3%) e os Países Baixos (12,5%). No extremo oposto estão a Grécia e a Lituânia (4%) e o Chipre (3,3%). A meta traçada por Bruxelas para 2020 no que diz respeito à incorporação de fontes limpas para mover os automóveis nas estradas é de 10%.

Portugal está perto de chegar a esta meta, diz o Eurostat, com 9% em 2018. Uma década antes, em 2008, Portugal estava apenas nos 2,5%, e em 2004 não ia além de 0,4%

​​​​​​

Em 2019, 21 Estados-Membros da UE registaram um aumento da quota média de energia proveniente de fontes renováveis ​​nos transportes em comparação com 2018, com os maiores aumentos observados na Finlândia (+3,6 pontos percentuais), Croácia (+3,3 pp), Holanda (+2,9 pp) e Eslovénia (+2,5 pp). A Noruega também registou um aumento significativo (+6,1 pp, para os 27,6%).

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Portugal já usa 9% de energias renováveis nos transportes, mas na Suécia são mais de 30%

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião