Hoje nas notícias: Sonangol, testes à Covid e vacina

  • ECO
  • 24 Dezembro 2020

Dos jornais aos sites, passando pelas rádios e televisões, leia as notícias que vão marcar o dia.

O ex-vice-presidente angolano, Manuel Vicente entregou documentos que atribuem a autoria de negócios suspeitos na Sonangol a Eduardo dos Santos. A marcar o dia está ainda a notícia de que a procura por testes de despiste à Covid-19 antes do Natal disparou. Só na quarta-feira, foram realizados mais de 23 mil testes, incluindo PCR e testes rápidos. Ainda no plano da pandemia, o Hospital de São João, no Porto, está a preparar-se para uma terceira vaga já em janeiro e com o plano de vacinação a arrancar nos próximos dias, a GNR já identificou cerca de 50 mil idosos em situação vulnerável e que são um potencial alvo de burla com a vacina contra a Covid-19.

Manuel Vicente implica Eduardo dos Santos na corrupção da Sonangol

O ex-vice-presidente angolano, Manuel Vicente entregou documentos que atribuem a autoria de negócios suspeitos ao ex-Presidente, numa deslocação ao palácio presidencial. Com estas provas poderão ter sido esclarecidas algumas das suspeitas de corrupção que recaem sobre o próprio Manuel Vicente e sobre o general Hélder Vieira Dias (Kopelipa), antigo chefe da Casa Militar. José Eduardo dos Santos em reação tentou contactar com João Lourenço e quer falar com o procurador-geral. Leia a notícia completa no Expresso (acesso pago).

Estados Unidos de olho no lítio português

Os Estados Unidos querem que as empresas norte-americanas invistam na produção de lítio em Portugal, caso se venha a verificar que existem reservas em larga escala deste “ouro branco”. O subsecretário adjunto para os Recursos Energéticos do Departamento de Estado dos EUA teve recentemente reuniões com o Governo português e com o setor privado, com o intuito de apresentar uma aliança constituída por vários países, com o intuito de garantir “investimentos que vão encontro das melhores práticas” ambientais. “Há outras áreas no setor energético em que queremos trabalhar com Portugal, como no hidrogénio verde, há muitas empresas norte-americanas interessadas nisto, há muitas áreas que podemos aprofundar”, disse Francis Fannon. Leia a entrevista completa no Jornal Económico (acesso pago).

Mais de 23 mil portugueses fizeram o teste à Covid-19 ontem

Já era conhecido que muitos portugueses estavam a marcar testes à Covid-19 para os dias que antecedem o Natal para poderem reunir-se com a família. Só esta quarta-feira, mais de 23 mil portugueses foram testados, um número que inclui os testes PCR e testes rápidos, de acordo com os dados fornecidos pelas maiores redes de laboratórios do país e pela Cruz Vermelha Portuguesa ao Público. As amostras recolhidas em alguns laboratórios ontem representam quase 50% das processadas no dia com mais testes desde o início da pandemia. Leia a notícia completa no Público (acesso condicionado).

Hospital de São João prepara-se para terceira vaga em janeiro

O Hospital de São João, no Porto, está a preparar-se para uma terceira vaga da Covid-19 já em janeiro. “É previsível que possa haver uma terceira vaga. Esperemos que não, mas estamos a preparar-nos claramente para uma terceira vaga”, revela o presidente do conselho de administração do Centro Hospitalar Universitário do Porto, em entrevista à Renascença / Público. A poucos dias de arrancar o plano de vacinação em Portugal, Fernando Araújo prevê que a vacinação de cerca de dois mil profissionais demore dez horas e fique concluída logo no domingo. Leia a entrevista na Renascença (acesso livre) / Público (acesso livre).

Cinquenta mil idosos em risco de ser alvo de burla com a vacina da Covid-19

A Guarda Nacional República (GNR) já identificou, desde outubro, cerca de 50 mil idosos em situação vulnerável e que são um potencial alvo de burla com a vacina contra a Covid-19. Com a vacinação a arrancar dia 27 a GNR tem redobrado as ações de sensibilização com a população mais idosa. “Há inúmeras burlas na internet e pode haver apetência para comprá-las aí. Mas é importante que se perceba que estas doses não são verdadeiras. Recomendamos que não comprem absolutamente nada, neste âmbito, na internet”, alerta Chitas Soares, responsável pela célula de Segurança da sala de situação do plano de vacinação contra a Covid-19. Leia a notícia completa no Correio da Manhã (acesso pago).

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Hoje nas notícias: Sonangol, testes à Covid e vacina

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião