Conselho da UE conclui que não há razões para alterar nomeação de procurador europeu

  • ECO
  • 28 Janeiro 2021

O Conselho da União Europeia concluiu que "do ponto de vista legal", os erros factuais sobre o currículo de José Guerra "não afetaram a escolha do candidato português".

O Conselho da União Europeia (UE) encerrou o caso da nomeação do procurador europeu no passado dia 19 de janeiro. Agora, de acordo com a informação consultada pelo Público (acesso condicionado), essa decisão foi tomada por se considerar que não existem razões para alterar esta escolha. Além disso, os erros quanto ao currículo de José Guerra “não afetaram a escolha e a substância da decisão” do Conselho.

Em causa está informação errada relativamente ao percurso profissional de José Guerra, que constava na carta enviada pelo Governo ao Conselho da UE. Ana Carla Almeida, a candidata portuguesa preferida pelo júri internacional, pediu esclarecimentos sobre os fundamentos da nomeação de José Guerra ao Conselho, mas este decidiu arquivar o caso.

Isto porque, de acordo com o Público que cita documentos relacionados com o caso, “do ponto de vista legal”, os erros factuais sobre o currículo do procurador europeu “não afetaram a escolha do candidato português” que foi feita pelos Estados-membros ou “a substância da sua decisão”.

Apoie o jornalismo económico independente. Contribua

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso. O acesso às notícias do ECO é (ainda) livre, mas não é gratuito, o jornalismo custa dinheiro e exige investimento. Esta contribuição é uma forma de apoiar de forma direta o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo rigoroso e credível, mas não só. É continuar a informar apesar do confinamento, é continuar a escrutinar as decisões políticas quando tudo parece descontrolado.

Introduza um valor

Valor mínimo 5€. Após confirmação será gerada uma referência Multibanco.

Comentários ({{ total }})

Conselho da UE conclui que não há razões para alterar nomeação de procurador europeu

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião