Conhece influenciadores inspiradores? É tempo de votar

  • Pessoas
  • 11 Fevereiro 2021

A categoria "influencer" dos “Pessoas Awards” visa distinguir o líder agregador, que inspira, através da votação do público. Já sabe para quem irá o seu voto?

Está a decorrer a primeira edição dos “Pessoas Awards” (PA), uma iniciativa da revista Pessoas que pretende promover, divulgar e amplificar as melhores práticas nas áreas da gestão de pessoas, desenvolvimento de competências e organização de recursos humanos e de boas práticas de liderança em Portugal.

Já são conhecidos os finalistas da maioria das categorias dos PA 2020, incluindo “recrutador”, “formação e competências”, “out of the box”, “diversidade e inclusão”, “felicidade”, “liderança”, “sofisticação laboral” e “master em comunicação”. São 24 empresas e pessoas nomeadas, que se distinguiram pelo talento, disrupção e práticas inovadoras durante o ano de 2020.

Chegou agora a hora de se juntar a nós e fazer também parte do processo. Com a sua ajuda e, através do seu voto, queremos distinguir o líder agregador, que inspira e que toca todos com as suas práticas, envolvimento e comunicação, na categoria “influencer”. Pode votar aqui no influenciador que mais o inspira ou até deixar a sua sugestão. A votação decorre até ao dia 21 de fevereiro.

“Se as pessoas estão no centro e são referidas como a razão do sucesso das empresas, nada mais pertinente do que premiá-las pelas boas práticas, inspiração, liderança, carisma. Reconhecer as boas pessoas é uma forma de validar as suas competências e premiar a sua sensibilidade e as suas pessoas. Estes desafios ganham ainda mais importância num ano como o de 2020“, justifica Mariana de Araújo Barbosa, diretora executiva da revista Pessoas.

Os Pessoas Awards contam, nesta primeira edição, com o apoio da Nova Advogados e do Grupo Bernardo da Costa, e todos os vencedores deverão ser anunciados em março deste ano.

Apoie o jornalismo económico independente. Contribua

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso. O acesso às notícias do ECO é (ainda) livre, mas não é gratuito, o jornalismo custa dinheiro e exige investimento. Esta contribuição é uma forma de apoiar de forma direta o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo rigoroso e credível, mas não só. É continuar a informar apesar do confinamento, é continuar a escrutinar as decisões políticas quando tudo parece descontrolado.

Introduza um valor

Valor mínimo 5€. Após confirmação será gerada uma referência Multibanco.

Comentários ({{ total }})

Conhece influenciadores inspiradores? É tempo de votar

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião