Petróleo supera fasquia dos 60 dólares em Nova Iorque

Barril de petróleo negociado nos EUA acelera para máximos de 13 meses com perspetivas mais favoráveis para a procura.

Os preços do barril de petróleo estão em alta esta segunda-feira, negociando em máximos de mais de um ano, com os investidores a anteciparem uma recuperação da procura por energia à medida que as campanhas de vacinação vão avançando em muitos países.

O contrato de crude WTI que expira a 22 de fevereiro sobe 1,77% para 60,52 dólares, o valor mais elevado desde 7 de janeiro de 2020, de acordo com a Reuters.

Em Londres, o contrato de Brent para entrega a 26 de fevereiro valoriza 1,43% para 63,31 dólares por barril, a cotação mais alta em 13 meses.

O “ouro negro” tem estado a valorizar nas últimas semanas perante as restrições do lado da oferta, devido sobretudo aos cortes na produção no seio da OPEP e os países aliados do cartel internacional, como a Rússia.

“Temos assistido a uma reduzida volatilidade nos últimos meses. Isto significa que o mercado está equilibrado e os preços que temos hoje estão em linha com a situação de mercado“, referiu o vice-primeiro-ministro da Rússia, Alexander Novak, citado pela agência Reuters.

Nos EUA, um dos grandes consumidores mundiais de energia, o Presidente Joe Biden tem pressionado os responsáveis políticos para aprovarem o plano de estímulos de 1,9 mil milhões de dólares, o que faz aumentar as perspetivas de recuperação da economia.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Petróleo supera fasquia dos 60 dólares em Nova Iorque

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião