BRANDS' CAPITAL VERDE Os preços e os custos da energia

  • Capital Verde + APREN
  • 23 Fevereiro 2021

A APREN juntou Albino Marques, da REN, Jorge Vasconcelos, da NEWES, Nuno Ribeiro da Silva, da Endesa, e Tomás Gaivão, da OMIP, para o segundo webinar do ciclo Debates Renováveis.

A APREN – Associação Portuguesa de Energias Renováveis dedicou o segundo webinar do ciclo Debates Renováveis aos “Preços e custos da Energia”. A sessão contou com a participação de Pedro Amaral Jorge, CEO da APREN, Albino Marques, da REN, Jorge Vasconcelos, da NEWES, Nuno Ribeiro da Silva, da Endesa, e Tomás Gaivão, da OMIP.

O objetivo do debate era o de esclarecer conceitos novos, que têm de ser integrados, e que não são fáceis de interpretar, como o mercado da eletricidade, a venda de energia, os serviços de sistemas, os mercados locais, os balanços, entre outros, com a ajuda de “quatro pilares de conhecimento fundamental e com muita experiência na estrutura do mercado da eletricidade”, como referiu Pedro Amaral Jorge.

Assista ao debate aqui:

Reveja o primeiro webinar do Debate Renovável: Balanço de 2020 em eletricidade renovável

Os Debates Renováveis também estão disponíveis em podcast:

Apoie o jornalismo económico independente. Contribua

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso. O acesso às notícias do ECO é (ainda) livre, mas não é gratuito, o jornalismo custa dinheiro e exige investimento. Esta contribuição é uma forma de apoiar de forma direta o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo rigoroso e credível, mas não só. É continuar a informar apesar do confinamento, é continuar a escrutinar as decisões políticas quando tudo parece descontrolado.

Introduza um valor

Valor mínimo 5€. Após confirmação será gerada uma referência Multibanco.

Comentários ({{ total }})

Os preços e os custos da energia

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião