EDP cai 1% e tira fôlego à bolsa de Lisboa

Ações da elétrica nacional caíram 1%. Mais 13 cotadas além da EDP fecharam em terreno negativo e ditaram a queda do PSI-20, em contramão com a Europa.

Depois de um arranque de março com o pé direito, a bolsa de Lisboa perdeu algum terreno esta terça-feira, penalizada sobretudo pelo mau desempenho da EDP, que cedeu mais de 1%.

O PSI-20, o principal índice português, caiu 0,41% para 4.774,53 pontos, com apenas quatro cotadas a fecharem acima da linha de água: a Ibersol, a Galp, a EDP Renováveis e o BCP, com ganhos até 1%.

Estes desempenhos foram insuficientes para contrariarem os registos negativos das outras 14 cotadas da praça lisboeta. O pior desempenho pertenceu aos CTT, que recuaram 2,49% para 2,545 euros.

EDP desliga-se

Entre os pesos pesados, quem mais contribuiu para a queda do índice nacional foi a EDP, cujos títulos tombaram 1,02% para 4,771 euros. A Jerónimo Martins, dona do Pingo Doce, recuou 0,88% para 12,955 euros, na véspera de apresentar os resultados de 2020.

Lisboa contrariou o sentimento positivo que se verificou um pouco por toda a Europa, embora com exceções. O Stoxx 600, o índice de referência para o Velho Continente, fechou com ganhos na ordem dos 0,2%, em linha com as subidas nas praças de Paris e Frankfurt. Desalinhados: o espanhol Ibex 35 e o italiano FTSE Mib, com a praça milanesa a ceder 0,7%.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

EDP cai 1% e tira fôlego à bolsa de Lisboa

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião