Já foram administradas um milhão de vacinas em Portugal

Portugal assinalou o marco de um milhão de doses de vacinas contra a Covid-19 administradas. Até esta sexta-feira já foram administradas 716 mil primeiras doses e 284 mil segundas doses.

Portugal assinalou esta sexta-feira o marco de um milhão de vacinas administradas contra a Covid-19. Desde o arranque da vacinação e até esta sexta-feira, já foram administradas 716 mil primeiras doses e 284 mil segundas doses.

Nunca será por falta de capacidade que as vacinas não serão dadas e esta vacina ‘um milhão’ dá-nos alento para essa capacidade e esperança para os meses que aí vêm“, disse o secretário de Estado, Diogo Serras Lopes, no Pavilhão Desportivo da Ajuda, em declarações aos jornalistas.

Apesar de sublinhar que o Governo tem vindo “a acelerar o ritmo de vacinação em Portugal” e de garantir que o país está “bem colocado” no processo comparativamente aos países da União Europeia, Serra Lopes sublinha que é “normal que as primeiras doses sejam mais rápidas”. Contas feitas, este milhão divide-se em 716 mil primeiras doses e 284 mil segundas doses, ou seja, “cerca de 70% primeiras doses e os restantes 30% segundas doses”.

Ao mesmo tempo, o secretário de Estado da Saúde admite que o atraso nas entregas das vacinas “não é alheio a todo o processo” e que é um problema “comum” a todo o bloco comunitário, mas garante que Portugal está em condições de alcançar a meta de ter 80% das pessoas com 80 ou mais anos vacinadas até ao final de março. “Há aqui um escalão etário que tem menos capacidade de ser vacinado porque não há vacinas suficientes disponíveis”, sublinha, referindo-se à vacina da AstraZeneca que não é atualmente recomendada para pessoas maiores de 65 anos.

Relativamente à vacina da AstraZeneca e depois de alguns países europeus como a Dinamarca e a Alemanha terem alterado as suas recomendações para que pessoas com mais de 65 anos fossem inoculadas com esta vacina, Serra Lopes abre a porta a uma revisão por parte da DGS. “À medida que a vacina vai sendo administrada e também que existem mais dados é natural que essas posições evoluam. Portugal ainda não o fez, o que não quer dizer que não o faça assim que os dados estiverem disponíveis“, atira.

Portugal, à semelhança da maioria dos países europeus, arrancou o plano de vacinação a 27 de dezembro de 2020. Numa fase inicial, começaram a ser vacinados os profissionais de saúde que estão na linha da frente no combate à pandemia, sendo que se seguiram os profissionais e residentes em lares. Neste momento, esta fase prioritária contempla já profissionais de serviços essenciais –, como Forças Armadas, de segurança e bombeiros –, bem como idosos com 80 ou mais anos, pessoas entre os 50 e os 79 anos com patologias graves (insuficiência cardíaca, doença coronária, insuficiência renal e doença respiratória crónica) e alguns titulares de órgãos de soberania.

(Notícia atualizada às 18h50)

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Já foram administradas um milhão de vacinas em Portugal

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião