Banca tem 45,6 mil milhões de euros de créditos em moratória

Dados do Banco de Portugal revelam uma redução no valor dos créditos em moratória em fevereiro face a janeiro. São, ainda assim, 45,6 mil milhões de euros.

Os bancos portugueses tinham, no final de fevereiro, 45,6 mil milhões de euros de créditos em moratória, de acordo com os dados mais recentes do Banco de Portugal. Houve uma quebra ligeira face aos valores registados no primeiro mês do ano.

“No final de fevereiro de 2021, o montante global de empréstimos abrangidos por moratórias era de 45,6 mil milhões de euros, menos 0,1 mil milhões do que em janeiro“, revela a autoridade bancária liderada por Mário Centeno.

“Esta variação resulta de uma redução de 0,8 mil milhões de euros em empréstimos que deixaram de estar abrangidos por este regime (dos quais 0,7 mil milhões referentes a particulares), que foi parcialmente compensada por 0,7 mil milhões de euros de novos empréstimos em moratória”, diz o Banco de Portugal.

“As novas adesões são de montantes idênticos para os particulares e para as sociedades não financeiras (0,3 mil milhões de euros)”, nota, isto no dia em que termina o período de adesão a estas moratórias.

Recorde-se que esta quarta-feira, 31 de março, chegam ao fim as moratórias privadas para o crédito à habitação, passando 86 mil famílias a ter de suportar, em abril, novamente os encargos com os créditos. Estes empréstimos estão avaliados em 3,7 mil milhões de euros.

Nas moratórias ainda em vigor, e que podem estar ativas até ao final do ano, famílias e empresas vão ter de passar a pagar a componente de juros a partir de abril. A exceção vai para as empresas mais penalizadas pela crise pandémica, que podem continuar sem fazer qualquer pagamento.

(Notícia atualizada às 11h31 com mais informação)

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Banca tem 45,6 mil milhões de euros de créditos em moratória

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião