IVAucher também vai abranger cinemas e festivais

  • ECO
  • 22 Maio 2021

Além das despesas na restauração e alojamento, o IVAucher também vai abranger os consumos na cultura, conforme estava previsto no OE. Correio da Manhã detalha que cinemas e festivais serão incluídos.

O programa de incentivo ao consumo que o Governo pretende lançar a 1 de junho, o IVAucher, também vai abranger os cinemas e os festivais, avança, este sábado, o Correio da Manhã (acesso pago). Assim, além dos consumos feitos com alojamento e restauração, também serão incluídos neste programa todas as despesas feitas em cultura, como livrarias e os referidos cinemas e bilhetes para festivais.

Previsto no OE2021, o IVAucher foi pensado como um programa temporário de estímulo ao consumo nos setores “fortemente afetados pela pandemia”, permitindo ao consumidor final “acumular o valor correspondente à totalidade do IVA suportado” em consumos no alojamento, cultura e restauração e utilizar esse montante (como desconto imediato) em consumos nesses mesmos setores, mais tarde.

Na prática, o Fisco irá “devolver”, através deste programa, até 200 milhões de euros aos contribuintes por via de descontos nas compras feitas aos setores mais afetados pela pandemia. O ECO questionou o Governo sobre os prazos específicos implicados neste programa, mas o gabinete de João Leão atirou o esclarecimento para uma sessão dedicada a essa maté

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

IVAucher também vai abranger cinemas e festivais

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião