Caixa Geral de Depósitos associa-se às Nações Unidas para promover igualdade de género

A CGD vai adotar sete princípios de empoderamento feminino, entre os quais a promoção da educação, a capacitação e o desenvolvimento profissional das mulheres.

A Caixa Geral de Depósitos (CGD) associou-se às Nações Unidas através da subscrição dos Women’s Empowerment Principles (WEP), uma iniciativa conjunta do United Nations Global Compact e do United Nations Development Fund for Women que promove a igualdade de género e o fortalecimento do papel das mulheres no local de trabalho, no mercado e na comunidade.

Comprometida em empenhar-se nestas temáticas, a CGD vai adotar sete Princípios Fundamentais de Empoderamento das Mulheres (WEPs). São eles: “estabelecer uma liderança corporativa de alto nível para a igualdade de género”, “tratar todas as mulheres e homens de forma justa no trabalho: respeitar e apoiar os direitos humanos e a não-discriminação”, “garantir a saúde, segurança e bem-estar de todos os colaboradores, independentemente do género”, “promover a educação, a capacitação e o desenvolvimento profissional das mulheres”, “implementar ações na organização, na cadeia de valor e no marketing que promovam o empowerment das mulheres”, “promover a igualdade através de iniciativas junto da comunidade” e “medir e reportar publicamente o progresso da Organização para alcançar a igualdade de género”, lê-se em comunicado.

No Plano para a Igualdade de Género 2021, a CGD reconhece que o equilíbrio da presença de mulheres e homens em toda a estrutura da empresa representa uma evolução significativa para a sua atividade e um importante contributo para o cumprimento de compromissos assumidos pela Instituição, designadamente de respeito pelos Direitos Humanos e prossecução dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS).

O Programa WEP foi lançado pelas agências UN Women e UN Global Compact com vista à promoção da igualdade e do empoderamento das mulheres no setor empresarial, tendo atualmente assinado este compromisso mais de 1200 empresas em todo o mundo.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Caixa Geral de Depósitos associa-se às Nações Unidas para promover igualdade de género

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião