Carro onde seguia Cabrita atropela mortalmente uma pessoa na A6

  • ECO
  • 18 Junho 2021

No regresso de uma deslocação oficial a Portalegre, o carro que transportava o ministro da Administração Interna atropelou mortalmente uma pessoa. Acidente será investigado.

O carro onde seguia o ministro da Administração Interna atropelou mortalmente uma pessoa na A6, informou o ministério de Eduardo Cabrita em comunicado.

“Hoje, no regresso de uma deslocação oficial a Portalegre, a viatura que transportava o ministro da Administração Interna sofreu um acidente de viação, do qual resultou a morte, por atropelamento, de um cidadão na autoestrada A6”, lê-se no comunicado. Este acidente foi participado pela GNR “e será, naturalmente, investigado, de acordo com os procedimentos em vigor“, acrescenta o mesmo comunicado.

De acordo com o Correio da Manhã, a vítima foi um trabalhador de 43 anos, que estava com outros colegas em trabalhos de manutenção de estrada. Depois de ter sido colhido pelo carro do ministro, ainda foi assistido, mas acabou por falecer no local. O acidente ocorreu pelas 13h15, junto ao quilómetro 77.6, no sentido Estremoz-Lisboa.

Eduardo Cabrita, ministro da Administração Interna, acrescenta na nota enviada às redações que “lamenta profundamente o sucedido e apresenta sentidas condolências à família enlutada”.

(Notícia atualizada às 16h10 com mais informação)

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Carro onde seguia Cabrita atropela mortalmente uma pessoa na A6

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião