Medina vence Moedas em Lisboa, mas sem maioria absoluta

  • ECO
  • 23 Julho 2021

Sondagem do ISCTE/ICS para Expresso e SIC coloca intenções de voto em Fernando Medina nos 42%, uma vitória sobre os 31% de Carlos Moedas, mas sem maioria absoluta.

Tal como para as legislativas, são 11 os pontos que separam o PS do PSD na principal câmara do país, a Câmara Municipal de Lisboa. De acordo com uma sondagem do ISCTE/ICS para Expresso e SIC, se as autárquicas fossem hoje, Fernando Menina ganharia com 42%, ou seja, sem maioria absoluta.

Este eventual resultado de Medina seria exatamente o mesmo que foi obtido pelos socialistas em 2017. Já Carlos Moedas arrecada 31% das intenções de voto. A sondagem revela ainda que 64% dos inquiridos avaliam o desempenho de Medina como “muito bom” ou “bom”.

O trabalho de campo desta sondagem decorreu entre 3 e 18 de julho, envolvendo 803 entrevistas válidas. A margem de erro máxima é de cerca de 3,5% e o nível e confiança é de 95%, de acordo com a ficha técnica divulgada pelo semanário.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Medina vence Moedas em Lisboa, mas sem maioria absoluta

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião