Portugal acautela 3.º dose com três contratos de 24 milhões de vacinas contra a Covid-19

Portugal tem três contratos de 24 milhões de vacinas contra a Covid-19 com a Pfizer e a Moderna para acautelar a eventual necessidade de reforçar a vacinação com uma terceira dose.

Numa altura que está a ser discutida a possibilidade de administrar uma terceira dose da vacina contra a Covid-19, Portugal já se preveniu e tem três contratos com os laboratórios BioNTech/Pfizer e Moderna para o fornecimento de 24 milhões de vacinas.

“De forma a acautelar uma possível terceira dose de vacinas Covid-19, bem como o desenvolvimento de vacinas adaptadas a novas variantes, Portugal já tem dois contratos estipulados, cujo volume de vacinas ultrapassa os 14 milhões, com os laboratórios BioNTech/Pfizer e Moderna, e para o ano de 2023 um contrato com a BioNTech/Pfizer de mais de 10 milhões de vacinas”, explica o Infarmed em comunicado.

A acrescentar a este reforço de vacinas, a Direção-Geral de Saúde (DGS) e o Infarmed dizem que poderão ainda chegar a Portugal mais vacinas, no âmbito de futuros contratos, com algumas das vacinas ainda em avaliação na EMA.

No entanto, o Infarmed esclareceu esta sexta-feira que a “informação disponível até à data não permite concluir sobre a necessidade, e momento, de realização de reforço vacinal, prevendo-se, portanto, o esquema vacinal aprovado na Autorização de Introdução no Mercado atribuída pela Agência Europeia de Medicamentos (EMA) para cada vacina”.

A Direção-Geral de Saúde e o Infarmed estão a acompanhar os dados técnico-científicos à medida que estes se encontram disponíveis, nomeadamente visando a ponderação, no Plano de Vacinação contra a Covid-19, da eventual necessidade de doses adicionais ao esquema aprovado para algumas populações mais vulneráveis.

As autoridades de saúde espanholas decidiram esta sexta-feira administrar terceira dose das vacinas da Pfizer e da Moderna, mas ainda não avançou com datas.

(Notícia atualizada às 20h11 com mais informação)

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Portugal acautela 3.º dose com três contratos de 24 milhões de vacinas contra a Covid-19

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião