Já foram emitidos 4,6 milhões de certificados Covid em Portugal

Portugal já emitiu 4,6 milhões de certificados digitais Covid, segundo os dados divulgados pelos SPMS, ao ECO. Documento pode ser utilizado para acesso sem restrições a alguns espaços no país.

Cerca de 4,6 milhões de portugueses já são portadores do certificado digital Covid, segundo os dados divulgados pelos Serviços Partilhados do Ministério da Saúde (SPMS) ao ECO. Além de facilitar a livre circulação na União Europeia, este documento pode ser utilizado para aceder a alguns espaços em Portugal, como na hotelaria, ao interior dos restaurantes aos fins de semana e feriados, bem como, a aulas de grupo nos ginásios.

O certificado digital Covid atesta o estado de imunização do seu portador com base em três critérios: se foi vacinado contra o novo coronavírus ou se desenvolveu anticorpos contra o Sars-CoV-2, por ter sido infetado (isto num período entre 11 a 180 dias após o registo da infeção), ou se fez, recentemente, um teste negativo à Covid-19 (os testes PCR têm uma validade de 72 horas, ao passo que nos testes rápidos a validade é encurtada para 48 horas.

Nos últimos dias, vários têm sido os relatos de portugueses que foram vacinados contra a Covid-19 no final do ano passado ou no início deste ano que estão a receber uma mensagem a informar que o selo do seu certificado de vacinação expirou, pelo que importa sublinhar que o certificado de vacinação tem um prazo de validade de seis meses (180 dias), tal como o de recuperação. Nesse caso, e por forma a evitar que caduque, o melhor é pedir um novo certificado antes do final do prazo, aconselha o SNS 24.

Este documento é gratuito, emitido em formato digital ou em papel e pode ser pedido e consultado no portal do SNS 24, na aplicação móvel do SNS ou enviado por e-mail portador. Quem não tiver acesso à internet deve dirigir-se a um dos mais de 750 Espaços Cidadão. Tem um QR code, bem como um selo digital únicos para poder ser lido pelos equipamentos das autoridades europeias.

Os certificados digitais começaram a ser emitidos em Portugal a 16 de junho e entraram em vigor em toda a União Europeia a 1 de julho, com o intuito de facilitar a livre circulação dos cidadãos na UE. Além disso, o Governo decidiu aplicar esta exigência, ou, em alternativa, a apresentação de um teste negativo à Covid para a hotelaria e para a restauração (neste último caso para acesso ao interior destes espaços a partir das 19h de sexta-feira e durante todo o dia aos fins de semana e feriados), bem como para as viagens por via aérea ou marítima, bem como, para outras atividades como, aulas de grupo em ginásios, casinos, spas e termas, entre outros.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Já foram emitidos 4,6 milhões de certificados Covid em Portugal

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião