Startup portuguesa sheerME é a primeira a integrar programa de aceleração do Facebook. Está a contratar

Até ao final do ano, a startup pretende recrutar dez pessoas para reforçar as suas equipas de desenvolvimento, da área comercial, de suporte e marketing.

A sheerME é a primeira startup portuguesa convidada a fazer parte do “Facebook Accelerator: Business Solutions”, o programa virtual que vai integrar mais de 60 startups de todo o mundo. Durante o programa, a sheerME vai focar-se no desenvolvimento de soluções para marcações e pagamentos integradas no Facebook e Instagram, bem como lojas online associadas à sheerME e aos seus clientes. A startup vai também desenvolver um flow de atendimento ao cliente baseado no Whatsapp.

“Ter a acreditação de uma gigante tecnológica como o Facebook, no convite para a integração no programa, deixa-nos muito contentes. Mas estamos sobretudo entusiasmados pelas possibilidades que vamos conseguir concretizar e aprender e que acreditamos que vão ser de muita evolução para a nossa equipa, produto e principalmente, para os mais de sete mil parceiros que já trabalham connosco. Este será também um grande passo para a nossa internacionalização, uma vez que existe uma parte concreta do programa que nos vai ajudar nesse processo“, conta Miguel Alves Ribeiro, CEO da sheerME, citado em comunicado.

Ao todo, o programa de aceleração vai contar com 61 startups, desde business apps a customer data platforms. As empresas foram avaliadas por um painel internacional de especialistas do Facebook “por terem um produto focado em gerar valor para pequenas e médias empresas, equipa de liderança diversificada e focada, tecnologia inovadora e evidência de crescimento empresarial”, explica o Facebook.

Ao longo dos três meses do programa, as startups selecionadas terão ainda a oportunidade de beneficiar de uma formação no pacote de produtos e tecnologias do Facebook, receber conselhos de especialistas e fazer parte de uma rede global de outros fundadores.

SheerME quer aumentar equipa

A startup está também empenhada em fazer crescer a sua atual equipa de 15 elementos e que, em outubro, já será de 18. Até ao final do ano pretende recrutar dez pessoas para reforçar as equipas de desenvolvimento, da área comercial, de suporte e marketing. Neste momento, há oito vagas publicadas, sete full-time e uma part-time. Duas das oportunidades de trabalho são remotas.

Os interessados podem consultar todas as vagas aqui.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Startup portuguesa sheerME é a primeira a integrar programa de aceleração do Facebook. Está a contratar

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião