Preço da eletricidade bate todos os recordes e ultrapassa os 172€/MWh

Depois dos oito recordes batidos em agosto, este é já o sexto máximo histórico no Mibel na primeira metade de setembro. O preço médio para este mês já está nos 140,44/MWh nos dois países.

É um preço nunca antes visto no mercado grossista de eletricidade na Península Ibérica. O preço médio por cada MWh no Mibel vai chegar esta quarta-feira, 15 de setembro, aos 172,78 euros, muito acima do anterior recorde registado esta segunda-feira, de 154,16€/MWh. No espaço de apenas dois dias trata-se de um aumento de 18,62 euros.

Na negociação intradiária, o mercado spot já ultrapassou mesmo a marca histórica de 180,30€/MWh, valor máximo a que esteve a negociar, face a um mínimo de 159,42€/MWh.

O fenómeno explica-se com a drástica diminuição da geração de eletricidade a partir do vento, obrigando as centrais de ciclo combinado a gás natural a serem chamadas ao mix energético para compensar esse efeito. No entanto, a energia elétrica que estas produzem é mais cara (e é a que dita os preços do Mibel neste momento) por causa dos preços do gás natural que também estão em máximos históricos e dos preços das licenças de emissão de CO2, também em ascenção.

E se agosto foi um mês de recordes no Mibel, setembro promete não ficar atrás. A meio do mês são já seis os recordes batidos:

  • 1 de setembro – 132,47€/MWh
  • 2 de setembro – 140,23€/MW
  • 8 de setembro – 141,71€/MWh
  • 9 de setembro – 152,32€/MWh
  • 13 de setembro – 154,16€/MWh
  • 15 de setembro – 172,78€MWh

Agosto teve oito recordes no total (cinco deles em dias consecutivos, entre os dias 9 e 13), o que fez com que o mês fechasse com um um preço médio de 105,99 euros/MWh em Portugal, ligeiramente acima do que no mercado espanhol (105,94€/MWh). O preço médio para setembro já está nos 140,44/MWh nos dois países.

Em termos anuais, mostra o Data Hub da REN que o preço médio no Mibel está nos 72,87 euros por MWh.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Preço da eletricidade bate todos os recordes e ultrapassa os 172€/MWh

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião