Bitcoin supera os 60 mil dólares à espera do primeiro ETF

  • ECO
  • 16 Outubro 2021

Regulador americano prepara-se para dar luz verde ao primeiro ETF de futuros da bitcoin, notícia que está a impulsionar a mais popular criptomoeda do mundo.

A bitcoin superou a fasquia dos 60 mil dólares pela primeira vez em seis meses, negociando perto de máximos históricos, impulsionada pelas notícias de que os reguladores norte-americanos vão permitir a transação de ETF (Exchange Traded Fund) de futuros de bitcoin na próxima semana.

A mais popular criptomoeda subiu para os 61.869,05 dólares esta sexta-feira, o valor mais elevado desde abril.

Desde 20 de setembro que a bitcoin já quase duplicou o seu valor e aproxima da cotação mais alta de sempre de 64.895 dólares que alcançou em abril.

Bitcoin em máximos de abril

A Securities and Exchange Comission (SEC) americana prepara-se para dar luz verde ao primeiro ETF de futuros de bitcoin na próxima semana, segundo avançou a Bloomberg, numa decisão que irá permitir aos investidores uma nova forma de ganharem exposição à maior moeda digital do mundo, segundo os analistas.

“Os ETF de cripto são inevitáveis. Um produto como este acabará por se concretizar uma vez que existe procura”, referiu Chris Kline, analista da Bitcoin IRA, citado pela agência Reuters.

“Parece claro que os reguladores irão aprovar alguma versão de um ETF criptográfico em breve, provavelmente na segunda-feira. À medida que os reguladores se tornam mais familiarizados com o tema, a SEC começa a entender como os ativos são armazenados, protegidos e reconciliados para que faça sentido nas finanças tradicionais”, acrescentou Kline.

A bitcoin começou a ganhar força na sexta-feira depois de o gabinete de educação do investidor da SEC ter partilhado um tweet em que explica os riscos e benefícios de investir em fundos que apostam em contratos de futuro da bitcoin.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Bitcoin supera os 60 mil dólares à espera do primeiro ETF

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião