Tesouro avança com nova operação de recompra antecipada de dívida em dólares

Há três meses, o IGCP amortizou 1,1 mil milhões de dólares antecipadamente. Agora quer fazer nova operação de recompra de dívida emitida na moeda americana e que expira apenas em 2024.

O Tesouro português vai realizar uma nova operação de recompra antecipada de dívida em dólares, segundo anunciou esta terça-feira o IGCP. Não foram revelados montantes da transação.

A operação vai ter lugar esta quarta-feira, sendo que Portugal pretende recomprar Obrigações do Tesouro que foram emitidas em julho de 2014 e tinham maturidade apenas em 2024. Por estes títulos, o país paga um cupão de 5,125%.

Ainda há três meses o IGCP fez uma operação semelhante, tendo amortizado antecipadamente 1,12 mil milhões de dólares em títulos cuja maturidade expirava apenas dentro de três anos.

“O volume total que será comprado não será predeterminado, mas não cobrirá toda a emissão”, indica a agência que gere a dívida pública, liderada por Cristina Casalinho, num comunicado em inglês.

De acordo com os dados da Reuters, o saldo vivo desta linha ronda os 3,3 mil milhões de dólares, já depois da última operação de recompra antecipada.

O IGCP tem seguido uma estratégia de alisamento do perfil de amortizações de dívida pública nos próximos anos, através de operações de troca de dívida e também de recompra de dívida antecipada em dólares.

Com isto, Cristina Casalinho alivia as necessidades de reembolsos a fazer aos mercados nos próximos anos, procurando obter poupanças com estas operações tendo em conta o ambiente de juros baixos promovido pelo Banco Central Europeu (BCE).

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Tesouro avança com nova operação de recompra antecipada de dívida em dólares

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião