Grupo Nabeiro, Sonae e Microsoft entre as empresas com melhor reputação em Portugal

No ranking dos líderes, Rui Miguel Nabeiro do Grupo Nabeiro ocupa a primeira posição, seguido por Pedro Soares dos Santos da Jerónimo Martins e Paulo de Azevedo da Sonae.

O Grupo Nabeiro, a Sonae e a Microsoft ocupam o pódio das organizações com a melhor reputação este ano, de acordo com o Merco, que monitoriza e avalia a reputação das empresas.

A Jerónimo Martins ocupa o quarto lugar, seguido da EDP. Em sexto lugar está o Ikea, em sétimo a Vodafone e o Lidl ocupa a oitava posição. A fechar o top dez está a Nestlé na nona posição e a Galp Energia em décimo lugar.

De acordo com o Merco, a análise por stakeholders revela que o Grupo Nabeiro (Delta Cafés) é a empresa mais valorizada por jornalistas económicos, membros do Governo, dirigentes de ONGs, dirigentes sindicais, associações de consumidores e professores da área empresarial. Por seu lado, a Microsoft é a mais valorizada pelos analistas financeiros.

 

Para a população em geral, o Grupo Nabeiro (Delta Cafés) volta a ser o mais votado, seguido da Microsoft (2ª) e do Lidl (3ª). No campo digital, a Samsung, Lidl e Huawei ocupam as três primeiras posições.

E os CEO com melhor reputação?

O líder que mais se destacou este ano foi Rui Miguel Nabeiro do Grupo Nabeiro (Delta Cafés), ao ocupar a primeira posição do ranking, seguido de Pedro Soares dos Santos da Jerónimo Martins. A fechar o top 3 está Paulo de Azevedo da Sonae.

Paula Amorim da Corticeira Amorim surge no quarto lugar, seguido de Cláudia Azevedo da Sonae e Mário Vaz da Vodafone. Fernando Ulrich do banco BPI ocupa a sétima posição, Alexandre Fonseca da Altice está em oitavo lugar e Francisco Pedro Balsemão do Grupo Impresa (dona da SIC) aparece no nono lugar. Por fim, Luís Portela da Bial ocupa a décima posição.

O estudo contou com a participação de 179 executivos de grandes empresas, 41 jornalistas de informação económica, 30 governantes, 30 professores da área empresarial, 36 analistas financeiros, 30 Dircoms e líderes de opinião, 35 responsáveis de ONGs, 35 dirigentes sindicais, 30 dirigentes de associações de consumidores e, ainda 800 cidadãos (Merco Consumo).

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Grupo Nabeiro, Sonae e Microsoft entre as empresas com melhor reputação em Portugal

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião