Estes são os cinco escritórios de advogados com melhor reputação

A Vieira de Almeida foi considerada a marca do setor dos serviços jurídicos com melhor reputação no mercado. Morais Leitão, PLMJ, Uría Menéndez-Proença de Carvalho e Abreu Advogados no top cinco.

Vieira de Almeida foi considerada a sociedade de advogados com o índice de reputação mais elevado no mercado, uma conclusão do estudo da Global RepScore Pulse, elaborado pela OnStrategy. Entre as cinco firmas citadas pelo estudo está ainda a Morais Leitão, PLMJ, Uría Menéndez-Proença de Carvalho e Abreu Advogados.

No ranking das marcas mais relevantes do setor dos serviços jurídicos a Vieira de Almeida ficou em primeiro lugar com um índice de 78, seguida da Morais Leitão com 77.6 e da PLMJ com 74.8. Ainda no top cinco a Uría Menéndez-Proença de Carvalho foi pontuada com 74.5 e a Abreu Advogados com 66.6.

O Global RepScore Pulse, que todos os anos é elaborado pela OnStrategy, avalia a reputação das marcas que atuam no mercado nacional – nacionais ou multinacionais – através de um estudo que envolve mais de 50 mil cidadãos. Esta análise é desenvolvida de forma contínua ao longo do ano e em conformidade com a certificação das normas ISO20671 (avaliação de estratégia e força) e ISO10668 (avaliação financeira), avaliando os atributos associados à notoriedade, admiração, relevância, confiança, preferência e recomendação.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Estes são os cinco escritórios de advogados com melhor reputação

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião