Operação Míriade: Já são conhecidas as medidas de coação

Dois dos 11 arguidos vão ficar em prisão preventiva, quatro suspensos de funções, nove ficam sujeitos à medida de coação de apresentações periódicas e oito não podem ausentar-se do país.

Já são conhecidas as medidas de coação dos arguidos no âmbito da operação Míriade. Dois dos 11 arguidos vão ficar em prisão preventiva e quatro suspensos de funções. Por outro lado, nove dos arguidos ficam sujeitos à medida de coação de apresentações periódicas semanais e oito ficarão proibidos de contactar com os outros arguidos e ausentar-se do país.

Dos 11 arguidos, apenas cinco decidiram prestar declarações esta quarta-feira no Campus da Justiça perante o juiz Carlos Alexandre.

A Polícia Judiciária (PJ) executou, a 8 de novembro, 100 mandados de busca e fez 11 detenções, incluindo militares, um advogado, um agente da PSP e um guarda da GNR, no âmbito da Operação Miríade, num inquérito dirigido pelo Departamento de Investigação e Ação Penal de Lisboa.

Em causa está a investigação a uma rede criminosa com ligações internacionais que “se dedica a obter proveitos ilícitos através de contrabando de diamantes e ouro, tráfico de estupefacientes, contrafação e passagem de moeda falsa, acessos ilegítimos e burlas informáticas”, com vista ao branqueamento de capitais.

Em comunicado, o Estado-Maior-General das Forças Armadas (EMGFA) revelou que alguns militares portugueses em missões da ONU na República Centro-Africana podem ter sido utilizados como “correios no tráfego de diamantes”, adiantando que o caso foi reportado em dezembro de 2019.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Operação Míriade: Já são conhecidas as medidas de coação

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião