Huawei promete desconto de 100% na Black Friday… mas só nos EUA, onde está proibida de vender telemóveis

  • Joana Abrantes Gomes
  • 23 Novembro 2021

A Huawei anunciou na segunda-feira 100% de desconto nos seus telemóveis à venda nos EUA. Não passa de uma brincadeira, já que a empresa chinesa está proibida de vender telemóveis naquele país.

Desde a última semana que várias marcas têm lançado promoções apelativas face à aproximação da Black Friday, que acontece já na próxima sexta-feira. No mundo dos telemóveis, empresas como a Google ou a Samsung estão a apresentar produtos a excelentes preços, mas é a Huawei que está a ser o centro das atenções, depois de anunciar na sua conta oficial do Twitter, na segunda-feira, um desconto de 100% em todos os seus telemóveis vendidos atualmente nos EUA.

Seria um negócio incrível, até se perceber que a Huawei não vende telemóveis nos EUA. Ainda que uma nova administração tenha tomado posse no início deste ano, Joe Biden decidiu manter as restrições impostas à tecnológica chinesa pelo anterior presidente dos EUA, Donald Trump.

A Huawei foi “expulsa” do mercado norte-americano por alegadas questões de segurança nacional, estando completamente impedida de fazer negócios com empresas sediadas no país, como é o caso da Google. Informações recentes davam conta de que a multinacional chinesa tem tentado licenciar tecnologia a empresas terceiras, de forma a evitar sanções, depois de vender a submarca Honor para manter os equipamentos com acesso à Google Play Store.

Assim sendo, quem vive nos EUA esteja à procura de um telemóvel gratuito nesta altura de promoções, que marca o início da época natalícia, terá de continuar a procurar. Já nos países onde a Huawei tem autorização de venda, como em Portugal, há uma série de descontos nos seus produtos – mas nenhum chega aos 100%.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Huawei promete desconto de 100% na Black Friday… mas só nos EUA, onde está proibida de vender telemóveis

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião