BCP e energia dão força à bolsa de Lisboa

BCP, Greenvolt, EDP e EDP Renováveis tiveram ganhos entre 1% e 2%. Lisboa escapou a um dia misto nas principais praças europeias, onde a negociação foi condicionada pela nova vaga da pandemia.

O BCP e o setor da energia registaram ganhos na ordem dos 1% a 2% esta quarta-feira e impulsionaram a bolsa de Lisboa, num dia misto nas principais praças europeias.

O PSI-20, o principal índice português, somou 0,45% para 5.522,37 pontos, com dez das 19 cotadas a encerrarem o dia acima da linha de água. O BCP liderou os ganhos ao valorizar 1,98% para 0,1493 euros e também o setor da energia deu um contributo positivo: a Greenvolt subiu 1,50% para 6,10 euros, a EDP Renováveis avançou 1,39% para 21,84 euros e a EDP avançou 1,35% para 4,81 euros.

BCP sobe 2%

No setor das telecomunicações, a operadora Nos somou 1,96% para 3,44 euros, aproveitando o momento animado na indústria europeia no seguimento da oferta do fundo KKR para comprar a Telecom Italia.

A Mota-Engil subiu 0,55% para 1,291 euros, no dia em que aumentou o empréstimo obrigacionista dos 75 milhões de euros para os 110 milhões de euros.

Do lado das perdas, a Ramada teve o pior desempenho, ao cair 3,26% para 6,52 euros. A Semapa caiu 2,01% para 11,72 euros.

Lá por fora, o Stoxx 600 avançou 0,18% para 480,09 pontos, enquanto as bolsas de Frankfurt, Paris e Madrid tiveram deslizes até 0,40%.

“O aumento de novos casos de coronavírus na Europa afetou o sentimento no setor de Viagens & Lazer, que foi o segundo mais penalizado na sessão, logo atrás do Automóvel”, notaram os analistas do BCP.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

BCP e energia dão força à bolsa de Lisboa

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião