Horta Osório quebra regras de quarentena suíças

  • Filipe Maria
  • 9 Dezembro 2021

O banco Credit Suisse admitiu, em comunicado, que o chairman Horta Osório quebrou as regras de quarentena suíças ao voar para dentro e fora do país no espaço de 3 dias, segundo o Financial Times.

O banco Credit Suisse admitiu em comunicado que o chairman António Horta Osório quebrou as regras de quarentena suíças ao voar de Londres para Zurique a 28 de novembro, abandonando o país três dias depois, conforme noticiado pelo Financial Times (acesso em inglês).

O banqueiro luso-britânico voou para Zurique quatro dias após a imposição de novas regras de quarentena na Suíça, dada a deteção da nova variante Covid Omicron. No espaço de três dias, Horta Osório deixou o país de forma “prematura” a 1 de dezembro. Segundo as medidas de prevenção à Covid-19 suíças, quem violar deliberadamente as regras, além de pena, arrisca-se a uma multa até 10.000 francos (9.582 euros), ao passo que se as violar por negligência poderá ser multado até aos 5.000 francos (4.785 euros).

“O Credit Suisse reconhece, lamentavelmente, que houve uma violação das regras de quarentena relativamente às viagens do seu chairman. A conformidade com as leis e diretrizes aplicáveis ​​é uma prioridade pessoal do presidente e do Credit Suisse”, comunicou o banco.

Horta Osório acrescentou: “Violei involuntariamente as regras de quarentena suíças ao deixar o país de forma prematura a 1 de dezembro. Lamento sinceramente este erro. Peço desculpa e irei garantir que tal não volta a acontecer”.

Depois de 15 anos em Londres, o ex-líder do Lloyds Bank mudou-se recentemente para a Suíça enquanto chairman do Credit Suisse, após este registar perdas de quatro mil milhões de euros em investimentos no fundo Archego Capital Management.

O banqueiro foi ainda condecorado pela rainha de Inglaterra, com o título de Sir, por serviços prestados tanto no setor financeiro como de voluntariado nas áreas da saúde mental e da cultura.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Horta Osório quebra regras de quarentena suíças

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião