Horta Osório já tinha furado isolamento para assistir a torneio de ténis

O chairman do Credit Suisse admitiu ter quebrado as regras de quarentena da Suíça em novembro. Auditoria do banco descobriu uma segunda violação, dessa vez no Reino Unido, em meados deste ano.

Uma investigação promovida pelo Credit Suisse concluiu que o chairman António Horta Osório assistiu à final do Torneio de Wimbledon em julho, no Reino Unido, apesar de ser obrigado a cumprir uma quarentena de dez dias à chegada ao país, avança a Reuters.

A confirmar-se, é a segunda vez que o banqueiro português não cumpre regras de quarentena. Horta Osório admitiu ter quebrado as regras impostas pela Suíça durante uma visita ao país em 28 de novembro, que estipulavam que deveria passar dez dias em quarentena à chegada. No entanto, deixou o país a 1 de dezembro.

Na altura, Horta Osório lamentou e pediu desculpa pela contraordenação. “Violei involuntariamente as regras de quarentena suíças ao deixar o país de forma prematura a 1 de dezembro. Lamento sinceramente este erro. Peço desculpa e irei garantir que tal não volta a acontecer.”

Na Suíça, quem não respeita as regras de quarentena ou confinamento está sujeito a uma multa. No caso do banqueiro, a multa poderá chegar aos 5.000 mil francos suíços (4.800 euros).

Na sequência do caso, o Credit Suisse promoveu uma investigação para apurar a existência de outras irregularidades, detetando agora a violação, anterior à da Suíça, agora envolvendo as regras de quarentena no Reino Unido.

As conclusões da equipa jurídica do Credit Suisse foram transmitidas à comissão de auditoria do conselho do banco antes do Natal, que vai agora decidir se é necessário tomar medidas. Contactados pela Reuters, os porta-vozes do Credit Suisse e Horta Osório recusaram-se a fazer comentários.

(Nota do editor: O artigo original indicava que o banqueiro tinha “voltado a furar” as regras de isolamento. Na verdade, o novo caso é anterior. Aos leitores e visados, as nossas desculpas.)

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Horta Osório já tinha furado isolamento para assistir a torneio de ténis

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião