Yellen admite preocupação com inflação alta nos EUA

  • Lusa
  • 21 Janeiro 2022

"É claro que a inflação é um motivo válido de preocupação", disse a secretária do Tesouro dos EUA.

A secretária do Tesouro dos Estados Unidos reconheceu esta sexta-feira que a inflação elevada é “um motivo válido de preocupação”, mas antecipou que baixará no próximo ano, depois da esperada subida das taxas de juro pela Reserva Federal.

Numa intervenção por videoconferência no Fórum de Davos, Janet Yellen destacou a solidez económica dos Estados Unidos, com um crescimento previsto de 5,3% em 2021 e uma taxa de desemprego de 3,9%, em plena recuperação da crise provocada pela pandemia de covid-19.

“O mercado laboral está excecionalmente forte. Mais de seis milhões de empregos foram criados no ano passado e a taxa de desemprego está de novo abaixo de 4%”, indicou.

No entanto, Yellen apontou os problemas criados pela subida da inflação, após os Estados Unidos terminarem o ano com uma taxa de 7%, a mais alta em quatro décadas.

“É claro que a inflação é um motivo válido de preocupação”, disse, assinalando que “supera qualquer aumento que deveria ocorrer normalmente num mercado de trabalho com uma taxa de desemprego de 3,9%”.

A secretária do Tesouro disse que espera que a inflação “diminua substancialmente no próximo ano”, quando “se espera que o banco central norte-americano continue a enfrentar essa pressão completando o seu duplo mandato (de promoção de pleno emprego e de estabilidade de preços)” e suba as taxas de juro.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Yellen admite preocupação com inflação alta nos EUA

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião