Patrick Drahi terá desistido de vender Altice Portugal

Reuters cita três fontes e garante que a Altice Europe já não está a tentar vender a Altice Portugal. Ofertas estavam abaixo dos 7 mil milhões pedidos por Patrick Drahi.

A Altice Europe terá desistido de vender a Altice Portugal, depois de as propostas dos interessados não terem correspondido às expectativas de Patrick Drahi. A notícia foi avançada pela Reuters, que cita três fontes familiarizadas com a decisão.

A oferta mais elevada era de pouco mais de seis mil milhões de euros, noticia a agência. No entanto, o magnata terá estabelecido um preço mínimo de sete mil milhões de euros, abaixo do qual não pretendia vender a dona da Meo, uma fasquia que nenhum dos interessados quis ultrapassar.

De acordo com a Reuters, o grupo estava a negociar em dezembro com os fundos EQT e CVC Capital Partners, que terão apresentado propostas não vinculativas pelo ativo nacional. Mas a proposta mais elevada, dos referidos seis mil milhões, já era vista como incluindo um prémio face à quota de mercado da empresa em Portugal, escreve a agência.

Porém, no final de 2021 ou início deste ano, as conversações terão sido canceladas pela Altice. Os interessados receberam uma mensagem a notificar que a potencial operação tinha sido abortada “na mesma forma informal com que foi lançada”, cita a agência. Uma das explicações avançadas para a diferença de expectativas será o facto de a Altice Portugal ter vendido parte da rede de fibra ótica e outras infraestruturas nos últimos anos, como as torres de telecomunicações.

A Altice tem vindo a negar estar a explorar a venda do negócio no país, mas o ECO confirmou que Patrick Draghi mandatou o banco de investimento Lazard para medir o pulso ao interesse no mercado. À Reuters, o grupo Altice reiterou esta sexta-feira que “não estava nem está à venda”.

O ECO contactou a Altice Portugal e encontra-se a aguardar resposta. Em meados de dezembro, Alexandre Fonseca, CEO, disse que a empresa “não está à venda”.

(Notícia atualizada pela última vez às 13h49)

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Patrick Drahi terá desistido de vender Altice Portugal

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião