BRANDS' ADVOCATUS PLMJ: 50 anos de uma história com futuro

  • BRANDS' ADVOCATUS
  • 3 Março 2022

"A PLMJ existe há mais de 50 anos. E não houve fase da nossa história em que não tivéssemos a certeza, como hoje, que vamos continuar e liderar", diz Luís Sáragga Leal, sócio fundador da PLMJ.

Contar a história para trás – e a história da PLMJ já leva mais de 50 anos – é, simultaneamente, um desafio e um exercício que tende a alisar a linha do tempo. Olhamos mais para a trajetória e para o longo prazo. Para aquilo que é comum ao longo do tempo. O que é estrutural. O que é marcante. O que perdurará. Um olhar para lá da conjuntura de um país que, em mais de cinco décadas, tanto mudou. Usamos o passado como o pilar de construção do presente e não resistimos a usar o presente para projetar o futuro. A PLMJ existe há mais de 50 anos. E não houve fase da nossa história em que não tivéssemos a certeza, como hoje, que vamos continuar e liderar. Temos a responsabilidade de sermos o primeiro projeto de advocacia moderna do país. E essa missão marcou este caminho fantástico que é o da PLMJ.

Luís Sáragga Leal, sócio fundador da PLMJ

No final da década de 60, António Maria Pereira convidou Luís Sáragga Leal para formar a que viria a ser a maior Sociedade de Advogados do país, num momento em que nem sequer havia legislação sobre a atividade. Tudo nasce de uma visão, que o futuro trataria de confirmar acertada ao longo das décadas que se seguiram. Para António Maria Pereira, a lógica de organização do trabalho do advogado em prática individual, era frágil e dificilmente sustentável. A crescente eficiência e especialização dos serviços jurídicos exigidos pelos clientes pressupunha a sua organização em termos societários. Aos dois fundadores juntam-se, na década seguinte, Francisco Oliveira Martins e José Miguel Júdice. “P” de Pereira, “L” de Leal, “M” de Martins, “J” de Júdice. Nascia a PLMJ, que rapidamente se assumia como a marca incontornável dos serviços jurídicos em Portugal. Quatro letras que representam hoje o talento de mais de 400 pessoas.

E de que é feita a história da PLMJ? Que valores são o cimento de mais de 50 anos de história?

Pioneirismo. Valorizámos desde o primeiro dia, o valor estratégico de formar e reter os melhores advogados. Não há marca de água mais poderosa que a qualidade e a PLMJ foi a primeira a oferecer uma evolução profissional e estatutária claramente definida com acesso ao capital da sociedade e com critérios de avaliação de desempenho objetivos, transparentes e partilhados. E continuamente adequados ao longo destas décadas para alinhar permanentemente as expectativas do melhor talento com os objetivos e as crescentes necessidades da sociedade.

Eficiência e especialização dos seus advogados. Começámos a formar especialistas ainda antes de esse Estatuto ser reconhecido pela Ordem dos Advogados. Posteriormente, somamos à especialização equipas transversais que conhecem a fundo os desafios do negócio e de crescimento dos nossos clientes. Somos parceiros jurídicos altamente especializados, partilhando e participando, ativa e construtivamente, na estratégia dos nossos clientes e com profundo conhecimento dos seus mercados.

“Porventura o que é ainda mais único na PLMJ é a cultura desta casa. A PLMJ é como deve ser a sociedade portuguesa: uma casa onde há espaço para todos quantos se destaquem pelo mérito e partilhem os nossos valores”

Internacionalização. Percebemos a oportunidade e o contributo que tínhamos a dar para países com os quais temos relações históricas, potenciando a marca PLMJ noutras geografias e fazer dela, de todos nós, uma referência internacional.

Assumimos cedo que tínhamos também uma missão muito além da dimensão jurídica. Havia que contribuir para a sociedade civil. Assumir a nossa responsabilidade para com a cidadania. Instituímos a Fundação PLMJ para corporizar a nossa contribuição para a cultura e divulgação dos artistas lusófonos. Desenvolvemos um programa de Impacto Social abrangente que chega a quem mais precisa. Abraçámos o ESG na forma como nos organizamos, como tratamos as nossas pessoas e escolhemos os nossos fornecedores. Queremos contribuir para um mundo melhor quando trabalhamos com os nossos clientes. Estamos todos do mesmo lado. Dos negócios sustentáveis e prósperos.

Porventura o que é ainda mais único na PLMJ é a cultura desta casa. A PLMJ é como deve ser a sociedade portuguesa: uma casa onde há espaço para todos quantos se destaquem pelo mérito e partilhem os nossos valores. Não temos outro critério. Quando falamos da PLMJ, é de liberdade, de inovação, de debate de opinião sempre. Até que da discussão nasça a melhor razão. O melhor saber. É de independência que falamos. De coesão entre diversos perfis profissionais e gerações. Sempre a olhar para as gerações vindouras. Honrando o passado, superando-o no presente e projetando-o para o futuro. É por isso que estamos e estaremos sempre em permanente construção. Só quem desiste deixa de se reinventar para crescer. É com esta atitude que nascemos. É com esta atitude que continuaremos a viver no futuro que encaramos sempre com redobrada confiança.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

PLMJ: 50 anos de uma história com futuro

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião