Wall Street no vermelho com S&P 500 perto de “bear market”

Retalho está a deixar os investidores ainda mais assustados, que já estavam a vender ações face à subida das taxas de juro pela Reserva Federal norte-americana Fed.

Wall Street encerrou em terreno negativo esta quinta-feira, prolongando as quedas observadas na sessão anterior. O principal índice de Nova Iorque está mesmo perto de entrar em bear market, numa altura em que o setor do retalho está a deixar os investidores ainda mais assustados, que já estavam a vender ações face à subida das taxas de juro pela Reserva Federal norte-americana (Fed) para domar a inflação.

O índice de referência S&P 500 caiu 0,56% para 3.901,80 pontos, quase 20% abaixo do máximo alcançado em janeiro, a partir do qual entra em território de bear market. O mesmo aconteceu com o industrial Dow Jones, que recuou 0,75% para 31.253,13 pontos, um dia depois de ter sofrido a maior queda diária desde 2020, e com o tecnológico Nasdaq, que perdeu 0,26% para 11.388,50 pontos no rescaldo de uma queda de quase 5%.

“A principal lição para os investidores é estarem preparados para uma volatilidade prolongada”, diz Greg Bassuk, CEO da AXS Investments, citado pela CNBC. “Acreditamos que a volatilidade será a narrativa do investidor para o saldo do segundo trimestre e, francamente, para o saldo de 2022”.

Os investidores continuaram preocupados com uma possível atitude mais agressiva por parte do banco central para conter a subida da inflação. Numa conferência de imprensa esta segunda-feira, o presidente da Fed, Jerome Powell, voltou a afirmar que “não haverá nenhuma hesitação” na hora de tentar reduzir a inflação.

As perdas foram ainda impulsionadas pela divulgação dos resultados trimestrais da Target e do Walmart, que mostraram custos mais altos com combustível e uma redução da procura por parte dos consumidores. As ações da Target caíram 4,98% para 153,56 dólares, depois de terem afundado mais de 20% na sessão anterior, enquanto o Walmart perdeu 2,74% para 119,08 dólares.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Wall Street no vermelho com S&P 500 perto de “bear market”

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião