ISP da gasolina desce 0,5 cêntimos para a semana, mas do gasóleo não mexe

ISP da gasolina desce 0,5 cêntimos na próxima segunda-feira. Mas o do gasóleo não mexe. Governo espera um aumento de 2,8 cêntimos no preço do gasóleo e de 0,8 cêntimos no preço da gasolina

O ISP da gasolina vai descer 0,5 cêntimos na próxima segunda-feira tendo em conta a evolução dos preços deste combustível que leva o Governo a prever que o litro de gasolina suba 0,8 cêntimos. Mas o imposto aplicado ao gasóleo não vai sofrer alterações, revela o Ministério das Finanças esta sexta-feira, que espera uma subida de 2,8 cêntimos por litro de diesel.

“Tendo em conta a perspetiva da evolução dos preços na próxima semana, o Governo determina a redução da taxa do ISP em 0,5 cêntimos por litro de gasolina, a partir da próxima segunda-feira”, avança o comunicado do Ministério liderado por Fernando Medina.

“A taxa unitária de ISP aplicável ao gasóleo ficará inalterada, considerando o desvio acumulado das semanas anteriores, que se estima ficar em 0,8 cêntimos por litro na próxima semana”, acrescenta o mesmo comunicado.

Ao contrário do que é habitual, esta sexta-feira o Executivo não publicou a habitual tabela onde é possível perceber qual o comportamento dos preços que espera na segunda-feira. Mas ao ECO, o Ministério das Finanças avançou que espera um aumento de 2,8 cêntimos no preço do gasóleo e de 0,8 cêntimos no preço da gasolina.

De acordo com fonte do setor, o litro da gasolina vai ficar três cêntimos mais caro e o litro do gasóleo, que é utilizado por 77% dos automobilistas nacionais, vai subir 3,5 cêntimos. Mas estas previsões ainda não têm em conta o fecho da cotação do Brent do Mar do Norte, usado como referencial no mercado europeu, nem da cotação do euro face ao dólar.

Com a descida de 0,5 cêntimos no ISP da gasolina, “o alívio global da carga fiscal sobre os combustíveis por via das duas medidas em vigor – mecanismo semanal de revisão de ISP e redução das taxas unitárias deste imposto para o equivalente a uma taxa de IVA de 13% – totalizará 21,5 cêntimos por litro de gasóleo e 24,6 cêntimos por litro de gasolina”, explica o comunicado das Finanças.

Para esta semana, o Governo apontava para uma descida de 4,6 cêntimos no litro de gasóleo e uma subida de 5,6 cêntimos no litro da gasolina simples 95. Mas, observando os preços médios publicados terça-feira pela Direção Geral de Energia e Geologia, o litro de diesel desceu apenas 3,2 cêntimos e o litro de gasolina afinal subiu 6,4 cêntimos. Isto significa que é preciso recusar a 4 de julho de 2016 para encontrar uma diferença tão grande entre os dois tipos combustíveis. Esta semana o gap é de 25,1 cêntimos, mas só há quase seis anos a diferença foi maior (25,4 cêntimos).

Se a aplicação do mecanismo de revisão de ISP é revista todas as sextas-feiras, o desconto adicional do ISP de 11,5 cêntimos por litro de gasóleo e 12,6 por litro de gasolina, que entrou em vigor no início de maio, só verá os valores revistos no próximo mês. Mas o desconto mantém-se ao longo de todo o mês de maio.

(Notícia atualizada com mais informação)

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

ISP da gasolina desce 0,5 cêntimos para a semana, mas do gasóleo não mexe

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião