Direto “Putin estava errado e vai ter mais NATO à porta”, diz Boris Johnson

  • ECO
  • 29 Junho 2022

Decisões que vão ser tomadas na cimeira de Madrid vão definir a segurança da Aliança “na próxima década” e dotá-la dos “meios necessários para enfrentar os novos desafios”, diz Stoltenberg.

O Presidente da Rússia vai ter “mais NATO à porta” com a esperada entrada da Suécia e da Finlândia, ao contrário do que pensava quando invadiu a Ucrânia, ironizou o primeiro-ministro britânico, Boris Johnson, no dia em que arranca formalmente a cimeira da NATO em Madrid, onde é esperada uma intervenção do Presidente ucraniano, Volodymyr Zelensky, por vídeoconferência.

Vladimir Putin “esperava que houvesse menos NATO, mas estava completamente errado”, disse Johnson numa breve declaração à entrada da cimeira da Aliança Atlântica, em Madrid.

O secretário-geral da NATO afirmou que as decisões que vão ser tomadas na cimeira de Madrid vão definir a segurança da Aliança “na próxima década” e dotá-la dos “meios necessários para enfrentar os novos desafios”. “As decisões que vamos tomar vão definir a nossa segurança na próxima década e irão permitir que a Europa e a América do Norte mantenham a nossa Aliança forte, o nosso povo seguro e os nossos parceiros perto”, declarou Jens Stoltenberg.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

“Putin estava errado e vai ter mais NATO à porta”, diz Boris Johnson

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião