Direto Noruega prepara-se para limitar exportação de eletricidade

  • ECO
  • 8 Agosto 2022

A prioridade norueguesa é reabastecer as barragens, mesmo que seja necessário limitar a exportação de eletricidade. Saíram mais dois navios carregados de cereais dos portos ucranianos.

A Noruega está a preparar-se para limitar as exportações de eletricidade num momento em que as barragens do país se encontram em níveis abaixo da média. Segundo o ministro norueguês da Energia, Terje Aasland, será dada prioridade ao reabastecimento das barragens em vez da produção de energia, citou a Bloomberg. O país nórdico exporta cerca de um quinto da sua energia sendo um dos maiores exportadores de eletricidade da Europa.

Em outras notícias sobre a Guerra na Europa, que pode acompanhar neste live, o secretário-geral da ONU pediu para que os inspetores internacionais da Agência Internacional de Energia Atómica (AIEA) tenham acesso à central nuclear de Zaporijia depois de Rússia e Ucrânia terem trocado acusações sobre bombardeamentos contra as instalações. “Espero que esses ataques acabem. Ao mesmo tempo, espero que a AIEA consiga aceder à central” de Zaporijia, disse António Guterres, em conferência de imprensa, frisando que qualquer ataque à central é “suicida”.

A Reuters avança que saíram mais dois navios carregados de cereais dos portos ucranianos: o Sacura, que partiu de Yuzni, com 11 mil toneladas de soja com destino a Itália, e o Arizona, que partiu de Chernomorsk, carregado com 48.458 toneladas de milho para Iskenderun no sul da Turquia.

No terreno, as forças pró-russas dizem que a Ucrânia voltou a atacar a ponte Antonivskiy em Kherson. Já o governador de Kharkiv, Oleh Synyehubov, disse que morreram mais duas pessoas nos bombardeamentos à região nas últimas 24 horas.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Noruega prepara-se para limitar exportação de eletricidade

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião