Os 10 mandamentos do empreendedorismo feminino (em construção)premium

À boleia do dia que assinala e celebra os desafios das mulheres empreendedoras, aponto 10 coisas que aprendi num debate sobre o tema. A lista não está fechada, claro. É que ainda há muito por fazer.

Disclaimer: preferia não ter escrito este artigo. Sabem aquela sensação de um sabor amargo quando se clica num botão de "publicar", sirva ele, de facto, para dar a conhecer um texto, arrancar com um projeto na gaveta há muito ou convencermo-nos de que mais vale a pena suspender o que andamos a fazer, dar uma volta à vida e começar de novo? Pois bem. Este texto começa exatamente com esta sensação: é triste que ainda se fale de "empreendedorismo feminino" como uma coisa diferente daquilo a que chamamos "empreendedorismo", em geral. Mas é preciso falar dele. E é preciso falar dele, e em particular por estes dias -- porque, a 19 de novembro, assinala-se o Dia Mundial do Empreendedorismo feminino --, já que o número de mulheres empreendedoras continua a ser dramaticamente inferior face ao

Assine para ler este artigo

Aceda às notícias premium do ECO. Torne-se assinante.
A partir de
5€
Veja todos os planos