SABMiller dá o “ok” à fusão com a AB InBev

  • Rita Atalaia
  • 29 Setembro 2016

Os acionistas da SABMiller aprovaram a fusão de 103 mil milhões de dólares com a Anheuser-Busch InBev NV, juntando as duas maiores fabricantes de cerveja do mundo.

Os acionistas da SABMiller aprovaram a fusão de 103 mil milhões de dólares (91,9 mil milhões de euros) com a Anheuser-Busch InBev NV, juntando as duas maiores fabricantes de cerveja do mundo cerca de um ano depois de ter sido feita a proposta de aquisição. A operação deverá estar concluída a 10 de outubro.

Mais de 95% dos acionistas apoiaram o negócio, bastante acima do mínimo necessário de 75%, avança a Bloomberg.

A fabricante belga AB InBev vai dominar a nova empresa, que vai ser responsável por cada uma de três cervejas vendidas mundialmente. A fabricante da Budweiser vai manter o nome, anulando quaisquer vestígios da SABMiller, e apenas um dos executivos da empresa britânica fará parte da nova equipa.

A AB InBev planeia reduzir cerca de 3% da força laboral da empresa, com o objetivo de gerar 1,4 mil milhões de dólares de poupanças anuais.

Esta aprovação põe fim a um processo que durou cerca de um ano e que assistiu a muitos impasses entre as duas empresas devido ao preço e alienações de ativos para satisfazer os reguladores da concorrência a nível mundial.

 

 

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

SABMiller dá o “ok” à fusão com a AB InBev

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião