Unibanco à venda?

  • Ana Luísa Alves
  • 11 Outubro 2016

Segundo revela o jornal espanhol Expansión, o Unibanco pode estar à venda. Interessados são, sobretudo, bancos de investimento americanos.

Unibanco, unidade da Unicre, pode ser vendido, segundo revela o espanhol Expansión. Entre os interessados estão os fundos de investimento americanos, e a venda pode ser concluída antes do fim do ano.

Citado pela Bloomberg, o Expansión revela ainda que os possíveis interessados na compra são os fundos de investimento norte-americanos Apollo, Advent International, Bain Capital e o Permira, assim como o Banco Popular.

A operação de venda por parte da acionista Unicre, deve estar concluída até ao fim do ano, referem as fontes não identificadas.

A avaliação do Unibanco é de 80 milhões de euros, mas, segundo a Bloomberg, é expectável que o preço de venda seja mais elevado.

O Unibanco, unidade para cartões de pagamento, pertence à Unicre, uma instituição fundada há 42 anos e que tem como maiores acionistas o BCP e o Santander Totta.

O Santander detém 21,5% do Unibanco. O BCP, BPI e Novo Banco, em conjunto, detêm 69,5%. Já o BBVA e o Banco Popular detêm participações minoritárias.

 

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Unibanco à venda?

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião