Não sabe quanto pagou em comissões bancárias? É normal

  • ECO
  • 26 Outubro 2016

As comissões cobradas pelos bancos estão a subir, mas a maioria das instituições financeiras não cumpre a obrigação de informar os clientes sobre as comissões cobradas na conta à ordem.

A maioria das instituições financeiras não cumpriu a obrigação legal de informar os clientes sobre o valor das comissões pagas ao longo de 2015. O incumprimento foi detetado através de uma inspeção específica levada a cabo pelo Banco de Portugal, noticia esta quarta-feira o Público.

Como o valor das comissões tem vindo a subir, e este é um custo para o qual os clientes dos bancos estão pouco avisados, passou a ser obrigatório enviar, em janeiro, uma fatura anual com o valor pago ao longo do ano anterior. Contudo, uma inspeção do Banco de Portugal, levada a cabo a 44 instituições, detetou 29 incumprimentos.

O incumprimento foi particularmente relevante no crédito ao consumo, tendo o banco central feito 250 recomendações e determinações específicas, relativas ao primeiro semestre de 2016.

Segundo o jornal, a nova regra de prestação de informação aos clientes obriga a que, até ao final de janeiro, os bancos informem sobre todas as comissões relacionadas com a conta de depósito à ordem e com os serviços de pagamento associados (como é o caso de transferências, cheques, cartão de débito e levantamentos de numerário ao balcão).

O supervisor esclareceu ao Público que os bancos regularizaram a situação na sequência de determinações específicas, contudo, o jornal garante que há instituições que ainda não informaram os clientes da forma que é exigida por lei.

Comentários ({{ total }})

Não sabe quanto pagou em comissões bancárias? É normal

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião