Já não há cotadas de 10 mil milhões no PSI-20

  • Rita Atalaia
  • 10 Novembro 2016

A queda do setor energético nos últimos dias levou a EDP abaixo dos 10 mil milhões de euros, passando a valer menos que a Galp. Já não há cotadas com uma capitalização de mercado acima deste patamar.

A vitória de Donald Trump nas eleições dos EUA trouxe incerteza ao mercado. E provocou quedas acentuadas no setor energético nacional. Fortes desvalorizações que já custaram mais de mil milhões de euros ao valor de mercado da EDP e EDP Renováveis. A EDP baixou mesmo dos 10 mil milhões. Já não há cotadas portuguesas acima deste patamar.

A EDP e a EDP Renováveis já perderam 1,5 mil milhões de euros em dois dias. E tudo por causa da incerteza no mercado quanto aos próximos passos do novo Presidente dos EUA para o setor energético. “É uma reação exagerada”, segundo um analista do setor. Mas uma reação que já teve consequências: a capitalização de mercado da EDP está abaixo dos 10 mil milhões de euros.

Agora, já não há empresas cotadas na praça lisboeta com uma capitalização acima deste patamar de 10 mil milhões. A EDP, a Galp Energia e a Jerónimo Martins estão na marca dos nove mil milhões.

Todas as cotadas abaixo dos 10 mil milhões

2016nov10_bolsas-e-cenas-01
Fonte: Bloomberg (Valores em milhões de euros)

Mas há uma alteração ainda mais pertinente: a EDP perdeu o primeiro lugar na capitalização das empresas portuguesas. A energética já não vale mais que a petrolífera Galp Energia, como acontecia até agora. As duas empresas do setor energético têm vindo a trocar constantemente de posição no “ranking” das mais valiosas em Lisboa.

Lisboa perde dois mil milhões

A energia custou 1,5 mil milhões à bolsa nacional. Mas maior parte das empresas perdeu valor, o que fez encolher a capitalização bolsista das maiores cotadas portuguesas em mais de dois mil milhões de euros em apenas dois dias.

Além da EDP e da EDP Renováveis, a pesar no valor dos títulos nacional esteve também a Jerónimo Martins que “emagreceu” em mais de 400 milhões de euros neste curto período de tempo. No total, a capitalização bolsista das empresas do PSI-20 baixou da fasquia dos 50 mil milhões de euros num período marcado pela tensão em torno da eleição de Trump.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Já não há cotadas de 10 mil milhões no PSI-20

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião