Comprar uma casa em Londres custa 14 salários anuais

  • Ana Luísa Alves
  • 25 Novembro 2016

Londres é uma cidade cara para se viver. E está cada vez mais. O preço das casas continua a bater recordes, exigindo pela primeira vez mais de 14 salários anuais para conseguir comprar um apartamento.

Quer viver em Londres? As casas são caras. Comprar uma já exige 14 vezes mais o salário bruto anual dos londrinos, um recorde. A informação foi avançada esta sexta-feira pela Hometrack, que salienta que o preço das casas em Londres estão a aumentar, consecutivamente, há sete anos.

As casas em Londres estão mais caras, e custam agora 14,2 vezes o salário bruto anual, o valor mais alto desde que há registo e o dobro do rácio verificado no Reino Unido como um todo, de acordo com a informação da Hometrack. Isto apesar de em outubro a taxa de crescimento anual do preço das casas se ter fixado em 9,1%, o aumento mais baixo em quase três anos.

“Os compradores estrangeiros que procuram casa, a procura por parte dos londrinos de uma proteção contra as baixas taxas de juro e a enorme procura de potenciais proprietários de imóveis fizeram com que os preços subissem”, disse à Bloomberg Richard Donnell, diretor na Hometrack.

O preço das casas aumentou em 89% desde 2009 quando a oferta deixou de corresponder à procura por parte dos compradores. Há uma espiral de valorização do valor dos imóveis que tem levado vários especialistas a alertarem para o risco de uma bolha no mercado imobiliário da capital britânica.

Esta forte valorização das casas está a levar o governo britânico a tomar medidas. Philip Hammond, responsável do Tesouro do Reino Unido, já colocou de parte mais de três mil milhões de libras para ajudar na construção de mais de 90 mil casas de baixos custos até 2021. É uma medida que visa permitir o acesso à capital a britânicos menos endinheirados.

Apoie o jornalismo económico independente. Contribua

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso. O acesso às notícias do ECO é (ainda) livre, mas não é gratuito, o jornalismo custa dinheiro e exige investimento. Esta contribuição é uma forma de apoiar de forma direta o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo rigoroso e credível, mas não só. É continuar a informar apesar do confinamento, é continuar a escrutinar as decisões políticas quando tudo parece descontrolado.

Introduza um valor

Valor mínimo 5€. Após confirmação será gerada uma referência Multibanco.

Comentários ({{ total }})

Comprar uma casa em Londres custa 14 salários anuais

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião