Salgado sobre BES: “Vamos aguardar, a verdade virá ao de cima”

Apesar de não o dizer diretamente, Salgado deixa entender, segundo a TVI, que o responsável pelo colapso do banco é o Banco de Portugal, a entidade responsável pela supervisão bancária.

Em declarações à TVI, depois de sair do tribunal de Santarém, Ricardo Salgado falou pela primeira vez em muitos meses: o ex-presidente do Grupo Espírito Santo recusa ter sido o responsável apela queda do império familiar. “Vamos aguardar, a verdade virá ao de cima”, avisou. Apesar de não o dizer diretamente, Salgado deixa entender, segundo a estação de televisão, que o responsável pelo colapso do banco é o Banco de Portugal, a entidade responsável pela supervisão bancária.

“Vamos aguardar, a verdade virá ao de cima e então veremos certamente quem são os verdadeiros responsáveis pelo que aconteceu ao BES” – estas foram as palavras de Ricardo Salgado à saída do tribunal, devido ao processo onde o Banco de Portugal condenou Ricardo Salgado de contraordenação relativa à colocação de papel comercial da Espirito Santo International (ESI) aos balcões do BES. Salgado apresentou um recurso, tal como tinha feito o seu primo José Maria Ricciardi que, entretanto, segundo o Expresso, já desistiu.

Vamos aguardar, a verdade virá ao de cima e então veremos certamente quem são os verdadeiros responsáveis pelo que aconteceu ao BES.

Ricardo Salgado

Ex-presidente do BES

Salgado foi condenado a pagar quatro milhões de euros e ficou proibido de exercer no setor bancário durante uma década. O julgamento decorre em Santarém e foi à saída desse tribunal que o ex-presidente do BES disse à TVI estar concentrado na defesa: “Estamos verdadeiramente na casa da Justiça, não é a situação anterior do julgamento que foi feito, distorcido, pelo Banco de Portugal, inclusivamente escondendo elementos fundamentais para apurar a verdade”.

Apesar de apontar culpas ao Banco de Portugal, confrontado pelos jornalistas sobre a polémica à volta da demissão de Carlos Costa, o atual governador, Ricardo Salgado recusou-se a comentar. “Essa matéria é do domínio da política por isso não vou responder”, acrescentou.

(Notícia atualizada às 22h04)

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Salgado sobre BES: “Vamos aguardar, a verdade virá ao de cima”

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião