Direto Mário Centeno: “Obrigatoriedade da entrega da declaração nunca foi extinta”

  • Rita Atalaia
  • 8 Junho 2017

O ministro das Finanças esteve esta quinta-feira explicar aos deputados o tipo de acordo que houve com António Domingues, quando foi convidado a liderar a CGD.

Mário Centeno voltou à comissão parlamentar de inquérito (CPI) sobre a Caixa Geral de Depósitos (CGD). Desta vez para falar sobre o tipo de acordo que foi feito entre o Ministério das Finanças e António Domingues quando contratou o gestor e a restante equipa. Os deputados quiseram perceber se houve um “erro de perceção mútuo”, como foi dito por Centeno, em relação à exigência do ex-presidente da CGD para não entregar a declaração de rendimentos no Tribunal Constitucional.

 

Comentários ({{ total }})

Mário Centeno: “Obrigatoriedade da entrega da declaração nunca foi extinta”

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião