Fisco investiga 43 jogadores de futebol e sete SADs

  • Ana Batalha Oliveira
  • 14 Junho 2017

Estão a ser investigados pela Autoridade Tributária "indícios de evasão fiscal" que poderão estar ligados ao não pagamento de impostos e respetivas contribuições para a Segurança Social.

A Autoridade Tributária anunciou que estão a ser investigados de momento 43 jogadores de futebol, sete SADs ou clubes e um conjunto de dez empresas que poderão ter faltado ao pagamento de impostos e às respetivas contribuições à Segurança Social. A AT recusa-se, contudo, a comentar casos específicos ou o estado das investigações.

As investigações, segundo o comunicado da AT, decorrem “há já algum tempo” e tiveram como ponto de partida “indícios de evasão fiscal”. Várias administrações tributárias da Europa estão coordenadas nesta mesma iniciativa, facilitando a partilha de informações dentro e fora da Europa.

Esta revelação surge um dia depois das notícias de que Cristiano Ronaldo será acusado de fraude fiscal em Espanha, pelo alegado desvio de 150 milhões de euros para paraísos fiscais, amealhados com os direitos de imagem. O capitão da seleção portuguesa pronunciou-se sobre o caso, garantindo que “nunca houve intenção de cometer fraude” já que, segundo a lei espanhola, só precisaria de declarar os rendimentos obtidos nesse país.

Editado por Mariana de Araújo Barbosa (mariana.barbosa@eco.pt)

Contribua. A sua contribuição faz a diferença

Precisamos de si, caro leitor, e nunca precisamos tanto como hoje para cumprir a nossa missão. Que nos visite. Que leia as nossas notícias, que partilhe e comente, que sugira, que critique quando for caso disso. A contribuição dos leitores é essencial para preservar o maior dos valores, a independência, sem a qual não existe jornalismo livre, que escrutine, que informe, que seja útil.

A queda abrupta das receitas de publicidade por causa da pandemia do novo coronavírus e das suas consequências económicas torna a nossa capacidade de investimento em jornalismo de qualidade ainda mais exigente.

É por isso que vamos precisar também de si, caro leitor, para garantir que o ECO é económica e financeiramente sustentável e independente, condições para continuar a fazer jornalismo rigoroso, credível, útil à sua decisão.

De que forma? Contribua, e integre a Comunidade ECO. A sua contribuição faz a diferença,

Ao contribuir, está a apoiar o ECO e o jornalismo económico.

António Costa
Publisher do ECO

5€
10€
20€
50€

Comentários ({{ total }})

Fisco investiga 43 jogadores de futebol e sete SADs

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião