John McCain salva Obamacare e chumba proposta de Trump

  • ECO
  • 28 Julho 2017

Dias depois de lhe ter sido diagnosticado um tumor cerebral, John McCain foi mesmo assim ao Senado e viabilizou o chumbo da proposta de Donald Trump para acabar com o Obamacare.

O voto de John McCain foi decisivo para o chumbo da proposta de Donald Trump para acabar com o ObamacareWikimedia Commons

Caiu por terra a mais recente tentativa da Administração Trump para derrubar o Obamacare. O Senado norte-americano chumbou a proposta alternativa do Presidente Donald Trump, um desfecho para o qual foi decisivo o voto contra do senador John McCain.

O republicano deslocou-se do Arizona para Washington, dias depois de lhe ter sido diagnosticado um tumor cerebral, e deu a machadada final no plano, depois do voto negativo também das senadoras republicanas Susan Collins e Lisa Murkowski. O sentido de voto do senador surpreendeu completamente a câmara do Senado.

Esta está a ser vista como uma votação histórica. À saída do Senado, McCain, citado pelo jornal Politico, disse: “Faço o meu trabalho enquanto senador. [Votei contra a proposta] porque acreditei ser o voto certo.”

Apesar e tudo, o senador do Estado do Arizona tem vindo a defender a substituição do programa de Saúde Obamacare. Numa nota posterior à votação, reiterou essa ideia, dizendo defender uma solução de substituição que “aumente a competitividade, baixe os custos e melhore os cuidados de Saúde para a população norte-americana”. No entanto, a proposta de Trump, para o senador, “não atinge esses objetivos”.

Comentários ({{ total }})

John McCain salva Obamacare e chumba proposta de Trump

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião