Grécia: BCE reduz de novo limite de provisão de liquidez de urgência

  • Lusa
  • 3 Agosto 2017

Desde que o BCE voltou a aceitar, em finais de junho de 2016, a dívida grega, o limite máximo do ELA desceu, porque os bancos puderam voltar a recorrer a este instrumento para adquirir liquidez

O Banco Central Europeu (BCE) reduziu esta quinta-feira em 1.600 milhões de euros, a pedido do Banco da Grécia, o limite máximo que as instituições financeiras gregas podem pedir através do mecanismo de provisão de liquidez de urgência, foi anunciado.

O Banco da Grécia informou hoje que a diminuição do teto máximo de crédito reflete a situação de liquidez das entidades gregas tendo em conta o fluxo de depósitos do setor privado e que, com o decréscimo de 1.600 milhões de euros, o limite máximo do mecanismo de provisão de liquidez de urgência (ELA, Emergency Liquidity Assistance) fixa-se em 38.900 milhões de euros até 7 de setembro.

A banca grega recebeu os créditos de emergência depois de, em meados de fevereiro de 2015, o BCE ter deixado de aceitar a dívida grega como garantia nas operações de refinanciamento.

Desde que o BCE voltou a aceitar, em finais de junho do ano passado, a dívida grega, o limite máximo do ELA desceu, porque os bancos puderam voltar a recorrer a este instrumento para adquirir liquidez.

O ELA foi neste período praticamente o único canal pelo qual os bancos podiam aceder a financiamentos de forma excecional e a curto prazo através do Banco da Grécia, ainda que a uma taxa de juro de 1,55%, muito acima da praticada pelo BCE nas operações ordinárias de refinanciamento, atualmente em 0,0%.

A única subida do limite ocorreu em 23 de março, quando o BCE aumentou o ELA em 400 milhões de euros devido a uma redução importante dos depósitos registados pelas entidades gregas devido à incerteza gerada pelos atrasos que estavam a ocorrer na negociação entre a Grécia e os credores.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Grécia: BCE reduz de novo limite de provisão de liquidez de urgência

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião