Subida do euro é o novo desafio do BCE. Draghi fala quinta-feira

  • Tiago Varzim
  • 3 Setembro 2017

Esta quinta-feira há um encontro de política monetária do conselho de governadores do Banco Central Europeu. Draghi vai dar uma conferência de imprensa onde se espera que fale da valorização do euro.

O presidente do Banco Central Europeu deverá expressar as suas preocupações com a valorização do euro na próxima quinta-feira. É esta a expectativa dos economistas questionados pela Bloomberg este domingo. Desde o início do ano, o euro valorizou 13% face ao dólar, uma tendência que se intensificou na última semana. Na reunião de política monetária desta quinta-feira, Mario Draghi deverá sinalizar um alívio dos estímulos, mas o anúncio oficial só deverá acontecer em outubro.

67% economistas questionados pela Bloomberg esperam que Draghi não perca a oportunidade desta quinta-feira para mencionar a apreciação do euro numa altura em que prepara para reconfigurar os estímulos que injetou nos últimos anos na Zona Euro. Na última sexta-feira o euro estava nos 1,19 dólares, o que compara com 1,04 dólares em janeiro. Para os economistas este é o novo desafio do BCE numa altura em que tenta perceber o que falhou nos estímulos para gerar inflação suficiente e sustentada.

“A minha expectativa é que Draghi tente um equilíbrio entre dizer que alguma da apreciação [do euro] é apropriada — refletindo o baixo risco político e uma economia mais forte — enquanto, ao mesmo tempo, fará alertas sobre o movimentos bruscos da divisa“, explica o analista chefe para a Europa da Nordea Markets, em Copenhaga, à Bloomberg.

Na semana passada, depois de a Coreia do Norte ter disparado um míssil em direção ao Mar do Japão, a moeda única superou o patamar dos 1,20 dólares, valorizando para máximos de dois anos. Acresce que Mario Draghi manteve o silêncio sobre o desempenho da divisa durante a reunião de bancos centrais em Jackson Hole, nos EUA, o que levou a moeda a tocar em máximos.

Depois dessa subida, os responsáveis do Banco Central Europeu mostraram-se preocupados, na última reunião, com a valorização da moeda única. “Ainda que tenha sido apontado que a valorização do euro até à data possa ser vista, em parte, como uma mudança que reflete os fundamentais na Zona Euro em relação ao resto do mundo, foram expressas preocupações sobre o risco da taxa de câmbio disparar no futuro”, pode ler-se na ata.

Fonte: Boomberg

Além da valorização do euro, o outro desafio continua bem presente: a retirada do programa de compra de dívida soberana. Segundo uma sondagem da Reuters divulgada na sexta-feira, três quartos dos economistas questionados esperam que o BCE dê alguns sinais na reunião da próxima semana, mas que só anuncie o alívio do programa de estímulos monetários conhecido por quantitative easing em outubro.

A Reuters apontou também que alguns dos analistas se mostram preocupados com o reduzido espaço de manobra do BCE. “[Mario] Draghi manteve-se pacífico no último encontro, defendendo que não há pressa em discutir uma redução”, diz Anatoli Annenkov, economista-sénior na Societé Generale, citado pela mesma fonte.

Comentários ({{ total }})

Subida do euro é o novo desafio do BCE. Draghi fala quinta-feira

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião